Jogos (Roma Antiga)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
(Redirecionado de Jogos romanos)
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Ludos redireciona para este artigo. Para a comuna romena, veja Ludoș.
As corridas de biga, aqui representadas num alto-relevo do século II, eram um dos jogos que faziam parte dos festivais religiosos romanos.

Jogos Romanos (em latim: Ludi; sing. em latim ludus) eram divertimentos públicos destinados ao povo romano, integrados nos festivais religiosos romanos ou exibidos enquanto parte do culto imperial. Os primeiros jogos eram corridas a cavalo realizadas em circos (jogos circenses; ludi circenses)[nota 1]. Posteriormente, vieram a tornar-se parte dos festivais os espetáculos com animais selvagens (veações; venationes) e atuações teatrais (jogos cênicos; ludi scaenici).[1] Os dias em que eram realizados os jogos eram feriados públicos, nos quais não era permitido realizar negócios. Durante o período imperial, o número total de dias dedicados anualmente a este tipo de entretenimento ascendia a 135.[2] Embora o seu valor recreativo se possa ter sobreposto ao sentimento religioso, mesmo durante Antiguidade Tardia os jogos eram vistos enquanto parte integrante da veneração dos deuses tradicionais, pelo que os Padres da Igreja aconselhavam os primeiros cristãos a não participarem nas festividades.[3]

Lista de jogos[editar | editar código-fonte]

Entre os vários jogos assinalam-se os seguintes.[4][5]

Jogos anuais[editar | editar código-fonte]

Listados por ordem cronológica de acordo com o calendário romano.

  • Jogos Megalenses (Ludi Megalenses), entre 4 e 10 de abril, criados em 204 a.C. em honra da Magna Mater para o festival da Megalésia.
  • Jogos Cereais (Ludi Ceriales), entre 12 e 19 de abril, criados em 202 a.C. para o festival da Cereália, em 12 de abril.
  • Jogos Florais (Ludi Florales), entre 28 de abril e 3 de maio, criados em 173 a.C. em homenagem à deusa Flora, decorrendo a par do festival Florália a 1 de maio.
  • Jogos Apolinários (Ludi Apollinares), entre 6 de 13 de julho, criados em 122 a.C. em homenagem a Apolo.
  • Jogos das Vitórias de César (Ludi Victoriae Caesaris), entre 20 e 30 de julho, criados em 46 a.C. por Júlio César.
  • Jogos Romanos (Ludi Romani), entre 4 e 19 de setembro (12 e 15 de setembro no século IV d.C.), criados de acordo com algumas lendas no século VI a.C. em honra de Júpiter.
  • Jogos Augustais (Ludi Augustales), entre 3 e 12 de outubro, criados em 14 d.C. após a morte de Augusto e baseados no festival da Augustália.
  • Jogos Plebeus (Ludi Plebeii), originalmente no dia 13 de novembro e mais tarde alargados para 4-17 de novembro, criados em 216 a.C.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Notas

  1. Nem todas as corridas de bigas faziam parte de festivais religiosos

Referências

  1. Beard 1998, p. 66.
  2. Bunson 1995, p. 246.
  3. Beard 1998, p. 262.
  4. Bunson 1995, pp. 246-247.
  5. Auguet 1994, pp. 212-213.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Auguet, Roland (1994). Cruelty and Civilization: The Roman Games. [S.l.]: Routledge 
  • Beard, Mary (1998). Religions of Rome: A History. [S.l.]: Cambridge University Press 
  • Bunson, Matthew (1995). A Dictionary of the Roman Empire. [S.l.]: Oxford University Press