John Galliano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
John Galliano
Nome nativo Juan Carlos Antonio Galliano-Guillén
Nascimento 28 de novembro de 1960 (57 anos)
Gibraltar
Residência Paris
Cidadania Reino Unido
Alma mater Central Saint Martins
Ocupação figurinista
Prêmios Comandante da Ordem do Império Britânico, Legião de Honra
Empregador Christian Dior S.A.

John Galliano, CBE (Gibraltar, 28 de novembro de 1960) é um estilista britânico de alta-costura.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Nascido Juan Carlos Antonio Galliano Guillén, filho de pai gibraltino e de mãe espanhola, John Galliano e sua família mudaram para Londres em 1966. Em 1984, graduou-se em design de moda na prestigiada St. Martins College of Art & Design em Londres, onde foi escolhido como sendo o melhor aluno do seu ano.

John Galliano foi o primeiro britânico a assumir o controle criativo de uma casa de moda francesa. Em 1995, foi escolhido por Bernard Arnault, proprietário da LVMH, para ser o novo director criativo da Givenchy. Passado dois anos, Bernard Arnault pediu para que ele levasse sua excentricidade inglesa para a Christian Dior S.A., que na altura encontrava-se em decadência. Galliano também mantém a sua própria marca, com o seu nome.

Em 25 de fevereiro de 2011, a casa Dior anunciou que havia suspendido Galliano na sequência de uma detenção sobre uma alegada agressão antissemita num bar de Paris. Três dias depois, o tablóide britânico The Sun publicou um vídeo em seu website mostrando Galliano em outro incidente no mesmo bar, proferindo insultos antissemitas a um grupo de mulheres italianas.[1] Em consequência deste incidente, a 1 de março de 2011 a casa Dior anunciou que John Galliano teria sido suspenso da marca.[2]

Depois da sua saida da Dior, John Galliano passou a trabalha para a Maison Martin Margiela, Maison importantíssima na Haute Couture.

Referências

  1. «Film of John Galliano's racist rant in bar | The Sun |News». thesun.co.uk. 2011. Consultado em 22 de juho de 2011.  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)
  2. «BBC News - John Galliano sacked by fashion house Dior». bbc.co.uk. 2011. Consultado em 22 de junho de 2011.