John Money

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

John William Money (8 de julho de 1921 - 7 de julho de 2006) foi um psicólogo, sexologista e autor, especializado em pesquisas sobre identidade sexual e identidade do gênero.

Um dos primeiros cientistas a estudar a psicologia da fluidez sexual e como as construções societárias de "gênero" afetam um indivíduo. Seu trabalho tem sido celebrado por sua inovação e criticado, particularmente no que diz respeito ao envolvimento com o descrédito sexual de David Reimer e seu suicídio. O dinheiro publicou cerca de 2.000 artigos, livros, capítulos e revisões. Sua escrita foi traduzida para muitas línguas. John Money recebeu cerca de 65 honras, prêmios e graus mundiais, mas foi desacreditado especialmente, pelo tratamento que deu a David Reimer, antes de seu suicídio.

Nascido em Morrinsville, Nova Zelândia, descendentes de ingleses, estudou psicologia na Victoria University of Wellington, formando-se com mestrado em psicologia e educação no ano de 1944. Era um membro junior da faculdade de psicologia da Universidade de Otago em Dunedin, mas em 1947, aos 26 anos, ele emigrou para os Estados Unidos para estudar no Instituto de Psiquiatria da Universidade de Pittsburgh. Ele saiu de Pittsburgh e obteve seu doutorado na Universidade de Harvard em 1952. Casou-se brevemente na década de 1950, mas não teve filhos.

John Money propôs e desenvolveu várias teorias e terminologias relacionadas a identidade de gênero, papel de gênero. Ele também mudou a palavra "perversões" para "parafilias" e a palavra "preferência sexual" para "orientação sexual", buscando descrições menos críticas e argumentando que a atração não é necessariamente uma questão de livre arbítrio. John Money era professor de pediatria e psicologia médica na Universidade Johns Hopkins de 1951 até sua morte. Ele também estabeleceu a Clínica de Identidade de Gênero Johns Hopkins em 1965, juntamente com Claude Migeon, que era chefe de cirurgia plástica em Johns Hopkins. O hospital começou a realizar cirurgia de reatribuição sexual em 1966. Em Johns Hopkins, John Money também esteve envolvido com a Unidade de Comportamentos Sexuais, que realizou estudos sobre a cirurgia de reatribuição do sexo. Ele recebeu a Medalha Magnus Hirschfeld em 2002 da Sociedade Alemã de pesquisa sobre Sexualidade Social-Científica. Mesmo suas teorias sendo cientificamente desacreditadas.[1]

John Money era um adepto inicial das artes da Nova Zelândia, tanto literárias quanto visuais. Ele era um conhecido amigo e apoiante do autor Janet Frame. Em 2002, quando sua doença de Parkinson piorou, John Money doou uma parte substancial de sua coleção de arte para a Eastern Southland Art Gallery em Gore, Nova Zelândia. Em 2003, o primeiro-ministro da Nova Zelândia, Helen Clark, abriu a ala John Money na Eastern Southland Gallery.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Money, John. (1952). Hermaphroditism: An Inquiry into the Nature of a Human Paradox. Thesis (Ph.D.), Harvard University.
  • Money, John. (1957). The Psychologic Study of Man. Thomas: ASIN B0007E4LMC
  • Money, John. (1972). A Standardized Road-Map Test of Direction Sense (1965) Academic Therapy Publications: ASIN B0006WTB2K. Baltimore: Johns Hopkins University Press. ISBN 1-56821-812-5
  • Money, John, and Patricia Tucker. (1975). Sexual Signatures on Being a Man or a Woman. Little Brown & Co: ISBN 0-316-57825-8
  • Money, John. (1980). Love and Love Sickness: the Science of Sex, Gender Difference, and Pair-Bonding, Baltimore: Johns Hopkins University Press. ISBN 0-8018-2317-X, ISBN 0-8018-2318-8 (pbk.)
  • Money, John. (1985). The Destroying Angel: Sex, Fitness & Food in the Legacy of Degeneracy Theory, Graham Crackers, Kellogg’s Corn Flakes & American Health History. Buffalo, N.Y.: Prometheus Books. ISBN 0-87975-277-7
  • Money, John. (1986). Lovemaps: Clinical Concepts of Sexual/Erotic Health and Pathology, Paraphilia, and Gender Transposition in Childhood, Adolescence, and Maturity. New York: Irvington. ISBN 0-8264-0852-4
  • Money, John. (1986). Venuses Penuses: Sexology, Sexosophy, and Exigency Theory. Buffalo, N.Y.: Prometheus Books. ISBN 0-87975-327-7
  • Money, John. (1988) Gay, Straight, and In-Between: The Sexology of Erotic Orientation. New York: Oxford University Press. ISBN 0-19-505407-5
  • Money, John. (1989). Vandalized Lovemaps: Paraphilic Outcome of 7 Cases in Pediatric Sexology. Prometheus Books: ISBN 0-87975-513-X
  • Money, John, and H. Musaph (eds). (1991). Biographies of Gender and Hermaphroditism. Elsevier Publishing Company: ISBN 0-444-81403-5
  • Money, John, Gordon Wainwright, and David Hingsburger. (1991). The Breathless Orgasm: A Lovemap Biography of Asphyxiophilia. Prometheus Books: ISBN 0-87975-664-0
  • Money, John. (1992). The Kaspar Hauser Syndrome of "Psychosocial Dwarfism": Deficient Statural, Intellectual, and Social Growth Induced by Child Abuse. Prometheus Books. ISBN 0-87975-754-X
  • Money, John. (1993). The Adam Principle: genes. genitals, hormones, and gender: Selected readings in sexology. Buffalo, N.Y.: Prometheus Books. ISBN 0-87975-804-X
  • Ronald W. Keyes and John Money. (1993). The Armed Robbery Orgasm: A Lovemap Autobiography of Masochism. Prometheus Books: ISBN 0-87975-856-2
  • Money, John. (1994). Principles of Developmental Sexology. New York: Continuum. ISBN 0-8264-1026-X
  • Money, John. (1994). Reinterpreting the Unspeakable: Human Sexuality 2000 : The Complete Interviewer and Clinical Biographer, Exigency Theory, and Sexology for the Third. New York: Continuum. ISBN 0-8264-0651-3
  • Money, John. (1994). Sex Errors of the Body and Related Syndromes: A Guide to Counseling Children, Adolescents, and Their Families , 2nd ed. Baltimore: P.H. Brooks Publishing Company. ISBN 1-55766-150-2
  • Krivacska, James J., and John Money, eds. (1994). The Handbook of Forensic Sexology: Biomedical & Criminological Perspectives. Prometheus: ISBN 0-87975-883-X
  • Money, John. (1995). Gendermaps: Social Constructionism, Feminism, and Sexosophical History. New York: Continuum. ISBN 0-8264-0852-4
  • Money, John, and Anke Ehrhardt. (1996). Man & Woman, Boy & Girl: Gender Identity from Conception to Maturity. Northvale, N.J.: Jason Aronson. Originally published:
  • Money, John. (1999). The Lovemap Guidebook: A Definitive Statement. Continuum. ISBN 0-8264-1203-3

Ver também[editar | editar código-fonte]

Wikiquote
O Wikiquote possui citações de ou sobre: John Money

Referências

  1. Donna Haraway, Manifesto cyborg. Donne, tecnologie e biopolitiche del corpo, Feltrinelli, Milano, 1995 (edizione originale: Free Association Books, 1991 ISBN 0-415-90386-6)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]