John Piper

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
John Piper
John Piper em 2010.
Nome completo John Stephen Piper
Conhecido(a) por Hedonismo cristão
Nascimento 11 de janeiro de 1946 (75 anos)
Chattanooga, Tennessee, Estados Unidos
Nacionalidade norte-americano
Progenitores Mãe: Ruth Piper
Pai: Bill Piper
Cônjuge Noël Piper (c. 1968)
Alma mater Wheaton College

Seminário Teológico Fuller Universidade de Munique (Doutorado)

Ocupação Pastor e escritor
Magnum opus Desejosos de Deus (1986); "Os Prazeres de Deus" (1991)
Religião batista

John Stephen Piper, conhecido como John Piper, (Chattanooga, 11 de janeiro de 1946) é um teólogo e pastor batista fundador e professor do desiringGod.org e chanceler do "Bethlehem College & Seminary" em Minneapolis, Minnesota, além de aclamado escritor calvinista.[1][2] John Piper ensinou Estudos Bíblicos na Bethel University por seis anos (1974-1980) e então serviu como Pastor para Pregação e Visão da Bethlehem Baptist Church em Minneapolis, membra de Converge, por 33 anos (1980-2013).[3] Seus livros incluem "Spectacular Sins", vencedores do ECPA Christian Book Award,[4] "What Jesus Demands from the World",[5] Pierced by the Word,[6] e "A Paixão de Deus por Sua Glória",[7] e os best-sellers "Não jogue sua vida fora"[8] e "A Paixão de Jesus Cristo".[9] A organização Desiring God recebeu o nome de seu livro "Desejosos de Deus: Meditações de um hedonista cristão" (1986).[10][11][12][13][14]

Biografia[editar | editar código-fonte]

O segundo dos dois filhos de Bill e Ruth Piper, John Piper nasceu em Chattanooga, Tennessee, nos Estados Unidos da América. Seu pai era missionário, que vivia a viajar e plantar igrejas. Ainda na infância, mudou-se para Greenville, Carolina do Sul, cidade em que concluiu os estudos e passou o resto da juventude.

Segundo o relato do próprio John Piper, sua conversão se deu quando ainda tinha 6 anos de idade, apesar de não lembrar os detalhes.[15] Em dezembro de 1968 casou-se com Noël Piper, com quem teve cinco filhos (sendo apenas uma mulher), e doze netos.

Frequentou o Wheaton College entre 1964 e 1968, tendo cursado Literatura, com ênfase em Filosofia. Estudar a literatura romântica com Clyde Samuel Kilby estimulou-lhe o espírito de poeta. Anualmente, Piper compõe poemas com base em histórias bíblicas durante as quatro semanas do Advento.

John objetivava seguir medicina, até que, em virtude de uma enfermidade, esteve internado e, no leito do hospital, ouvia os sermões de Harold Ockenga. Ali passou a aspirar o Ministério da Palavra. Bacharelou-se em Teologia pelo Fuller Theological Seminary, Pasadena, na Califórnia.[16] Lá, através de Daniel Fuller, quem lhe inspirou,[17] descobriu escritos de C. S. Lewis[18] e Jonathan Edwards,[19] que o influenciaram grandemente ao longo da vida.

Concluiu o doutorado em Teologia e Estudos do Novo Testamento na Universidade de Munique, na Alemanha, em 1974. Durante seis anos (1974-1980), Piper lecionou na "Bethel University and Seminary", em Saint Paul, Minnesota. Sua mãe, Ruth, faleceu em 16 de dezembro de 1974, num acidente de ônibus em Israel.[20]

Em 11 de janeiro de 2006, anunciou que padecia de câncer de próstata, através de uma carta pública, "in verbis": "Essa notícia, é claro, foi boa para mim. A coisa mais perigosa do mundo é o pecado da autossuficiência e o estupor do mundanismo. A notícia do câncer tem um efeito maravilhosamente explosivo em ambos. Agradeço a Deus por isso. Os tempos com Cristo nestes dias têm sido extraordinariamente agradáveis."[21] Sua cirurgia, em 14 de fevereiro do mesmo ano foi bem sucedida.

Em 2007, aos 6 de março, falece seu pai, Bill Piper.[22]

Ministério da Palavra: Pastorado[editar | editar código-fonte]

John Piper ensinando em fevereiro 2020

No ano de 1980, John Piper tornou-se pastor da Bethlehem Baptist Church, em Minneapolis, membro de Converge, que fora fundada em 1871.[23] Lá ministrou até 31 de março de 2013, num domingo de Páscoa.[24] Após escrever "Desejosos de Deus" (1986), Piper teve sua estreia no palco do mundo das publicações cristãs, não deixando de escrever livros desde então.

Fundou, em 1994, o Ministério "Desiring God", objetivando-se, com este ministério, o "espalhar a paixão pela supremacia de Deus em todas as coisas para a alegria de todos os povos por meio de Jesus Cristo."[25] Este ministério disponibiliza, gratuitamente, todos os sermões do Pr. Piper dos últimos trinta anos, além de artigos por ele publicados, bem como alguns de seus livros.

Posicionamentos Teológicos[editar | editar código-fonte]

Piper durante adoração, em 2008

"Calvinismo de Sete Pontos"[editar | editar código-fonte]

John Piper, quanto à soteriologia, é calvinista,[26] sendo, quanto à eclesiologia, batista.[27] Um dos seus livros mais conhecidos é "Cinco Pontos".[28] Acredita, também, na justificação somente pela Fé, isto é, independentemente das obras e do esforço humano. Piper enfatiza os ensinamentos sobre santificação, perseverança dos santos e nas evidências da Graça Salvadora em alguém, bem como na dupla predestinação e que vivemos no melhor mundo possível, posturas que o levam a se declarar, meio sério, meio jocosamente, de "calvinista de sete pontos".[29][30] Outras posições teológicas que adere é a da Salvação pelo Senhorio[31] e a doutrina da eterna subordinação funcional do Filho.[32]

Continuacionismo[editar | editar código-fonte]

Seguidor do continuacionismo,[33] isto é, acerca dos dons Espirituais, John Piper está na contramão do cessacionismo.[34][35] Piper acredita que dom de línguas, profecia, curas e milagres não ficaram apenas para o tempo da igreja cristã primitiva, mas que permanecem até os presentes dias, sem, contudo, ser confundido com pentecostal. Afirma que somente as profecias Bíblicas são inquestionáveis, uma vez que quaisquer outras modernas são suscetíveis a erros e, portanto, necessitam de filtros Bíblicos.[36][37]

Referências

  1. «John Piper». Coalizão pelo Evangelho (TGC Brasil). Consultado em 20 de outubro de 2020 
  2. Murashko, Alex (30 de março de 2012). «John Piper Preparing to Step Down from Pastorate». Christian Post. Singapore. Consultado em 31 de março de 2012. Arquivado do original em 19 de janeiro de 2013 
  3. Pitkanen, Ian (25 de setembro de 2019). «Who Is John Piper?». Desiring God. Minneapolis. Consultado em 10 de setembro de 2020 
  4. «2009 Christian Book Awards Winners». Evangelical Christian Publishers Association 
  5. «2007 Christian Book Awards Winners». Evangelical Christian Publishers Association 
  6. «2004 Gold Medallion Book Awards Winners». Evangelical Christian Publishers Association 
  7. PIPER, John (2008). A Paixão de Deus por Sua Glória. São Paulo: Cultura Cristã 
  8. PIPER, John (2013). Não jogue sua vida fora. São Paulo: Cultura Cristã. 144 páginas 
  9. PIPER, John (2014). A Paixão de Cristo. São Paulo: Cultura Cristã. 144 páginas 
  10. «John Piper». Shekinah Distribuidora. Consultado em 10 de junho de 2021 
  11. «John Piper». Livrarias Familia Crista. Consultado em 20 de outubro de 2020 
  12. «John Piper, Autor em Voltemos Ao Evangelho». Voltemos Ao Evangelho. Consultado em 20 de outubro de 2020 
  13. «John Piper - Editora Fiel». www.editorafiel.com.br. Consultado em 20 de outubro de 2020 
  14. «John Piper». Consultado em 20 de outubro de 2020 
  15. «John Piper's Testimony». Desiring God (em inglês). 26 de agosto de 2013. Consultado em 9 de setembro de 2017 
  16. «Biography of John Piper». About. Desiring God. Consultado em 2 de novembro de 2012. Following college he completed a Master of Divinity degree at Fuller Theological Seminary in Pasadena, California (1968–71). 
  17. Piper, John (31 de outubro de 2007), «Praise God for Fundamentalists», Desiring God, Blog .
  18. Piper, John (3 de maio de 2013), «How Has C.S. Lewis Influenced You», Desiring God, Ask Pastor John .
  19. Piper, John (1998), «Preface», God's Passion for His Glory, Wheaton: Crossway, p. xi .
  20. John Piper's Candidating Testimony, Desiring God, 27 de janeiro de 1980 .
  21. Piper, John (6 de janeiro de 2006). «John Piper Diagnosed with Prostate Cancer». News & events. Desiring God. Cópia arquivada em 10 de janeiro de 2006 
  22. Piper, John (28 de março de 2007). «Things I Have Learned». Blog. Desiring God 
  23. «Historic Churches; Bethlehem Baptist Church, Minneapolis, MN». Baptist General Conference Archives. Consultado em 25 de novembro de 2009 [ligação inativa] [ligação inativa]
  24. «My flock», Bethlehem updates (open letter), Hope in God, consultado em 2 de abril de 2013, arquivado do original em 2 de outubro de 2015 .
  25. «Distinctives: Mission». About. Desiring God 
  26. Piper, John, What We Believe About the Five Points of Calvinism, Desiring God .
  27. Piper, John, I Baptize You with Water: The Baptism of John (sermon), Desiring God .
  28. PIPER, John (2014). Cinco Pontos: Em direção a uma experiência mais profunda da graça de Deus. São José dos Campos: Editora Fiel. 101 páginas 
  29. What does Piper mean when he says he's a seven-point Calvinist?, Desiring God .
  30. Piper, John, «Part 1», Olympic Spirituality (sermon), Desiring God .
  31. Piper, John, Letter to a Friend Concerning the So-Called "Lordship Salvation", Desiring God .
  32. Gons e Naselli. An Examination of Three recent Philosophical Arguments against hierarchy in the immanent Trinity. Em: Claunch, Kyle, et al. One God in Three Persons: Unity of Essence, Distinction of Persons, Implications for Life. Crossway, 2015.
  33. Piper, John, Are Signs and Wonders for Today? (sermon), Desiring God .
  34. Piper, John, Were Apostles Unique and Unrepeatable Messengers of Christ?, Desiring God, Jesus chose Twelve Apostles for a unique, unrepeatable role in the history of redemption ... there seem to be also another group (or groups) of men called and authorized by Jesus in the New Testament, some of whom are on a par with the Twelve in their teaching authority. Paul certainly believed that his call and commission by the risen Christ put him on a par with the Twelve in his teaching role ... .
  35. Piper, John, Spiritual Gifts and the Sovereignty of God (panel discussion) .
  36. Piper, John, The Authority and Nature of the Gift of Prophecy (sermon), Desiring God, God reveals something to the mind of the prophet (in some way beyond ordinary sense perception), and since God never makes a mistake, we know that his revelation is true. It has no error in it. But the gift of prophecy does not guarantee the infallible transmission of that revelation. The prophet may perceive the revelation imperfectly, he may understand it imperfectly, and he may deliver it imperfectly. .
  37. Piper, John, The Authority and Nature of the Gift of Prophecy (sermon), Desiring God, We need a third category for the 'spiritual gift of prophecy'—Spirit-prompted, Spirit-sustained, revelation-rooted, but mixed with human imperfection and fallibility and therefore in need of sifting. .