John Simpson

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
John Simpsons homer
Sessão de autógrafos em Londres, Fevereiro de 2006
Nome completo John Cody Fidler-Simpson
Nascimento 9 de agosto de 1944
Londres, Inglaterra,
Nacionalidade Reino Unido Britânico
Cônjuge Diane Jean Petteys (1965-1995)

Adele Kruger (1996-presente)

Ocupação Jornalista
Principais trabalhos We Chose to Speak of War and Strife

John Cody Fidler-Simpson CBE (Londres, 09 de agosto de 1944) é um jornalista correspondente inglês. Ele é um dos editores da BBC News[1] e passou toda a sua vida trabalhando nela. Ele relatou em mais de 120 países, incluindo trinta zonas de guerra, e entrevistou muitos líderes mundiais.

Início da vida e educação[editar | editar código-fonte]

Simpson nasceu em Londres e revela em sua autobiografia que seu pai era um anarquista.[2] Em 1966 Simpson começou como estagiário sub-editor de notícias da rádio BBC.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Simpson escreveu diversos livros incluindo as seguintes autobiografias:

  • Strange Places, Questionable People (1998)
  • A Mad World, My Masters (2000)
  • News From No Man's Land (2002)
  • The Wars Against Saddam: Taking the Hard Road to Baghdad (2004)
  • Days from a Different World: A Memoir of Childhood (2005)
  • Not Quite World's End: A Traveler's Tales (2007)
  • Twenty Tales From The War Zone (2007)
  • Unreliable Sources (2010)
  • We Chose to Speak of War and Strife (2016)

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  1. Boaden, Helen (18 de Novembro de 2004). «This is BBC News». BBC News. Consultado em 7 de maio de 2010 
  2. Strange Places, Questionable People, Pan, London, 1999, p35

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) escritor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) jornalista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.