John Singer Sargent

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book-4.svg
Esta página cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde setembro de 2019). Ajude a inserir referências. Conteúdo não verificável poderá ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
John Singer Sargent
John Singer Sargent, gravura de 1887.
Nascimento 12 de janeiro de 1856
Florença, Itália
Morte 14 de abril de 1925 (69 anos)
Londres, Inglaterra
Nacionalidade norte-americano[1]
Ocupação Pintor

John Singer Sargent (Florença, 12 de janeiro de 1856Londres, 14 de abril de 1925) foi um pintor de retratos, paisagens e aquarelista. Ao longo da sua carreira criou cerca de 900 pinturas a óleo e mais de 2.000 aquarelas, bem como inúmeros esboços e desenhos a carvão.

John Singer Sargent nasceu em Florença, Itália[1], filho de imigrantes norte-americanos. Viveu na Europa grande parte de sua vida e tornou-se um dos maiores retratistas e muralistas de seu tempo. Com a maestria técnica e a engenhosidade de seus trabalhos, retratou brilhantemente seus modelos, enfocando-lhes o refinamento aristocrático e a altivez.

Estudou na Itália, na Academia de Belas Artes de Florença entre os anos de 1870 a 1874 e depois em Paris, sob a orientação do retratista francês Carolus-Duran [1838-1917], empreendendo uma longa e bem-sucedida carreira.

Lady with Parasol (Aguarela)1900

Sargent não se inclinou em nenhum movimento em particular, mas dialogou em seu tempo com as aristocracias e com as inovações artísticas. Por volta de 1883-84, retratou Virginie Amélie Avegno Gautreau [1859-1915], uma americana vinda de Nova Orleans que havia se mudado para Paris e se casado com o banqueiro Pierre Gautreau. O retrato tornou-se muito famoso e é conhecido como “Madame X”.

A pintura causou muita polêmica, pois originalmente mostrava Madame Gautreau com a alça do vestido eroticamente deslizada sobre seu ombro direito, algo que muito desagradou à crítica conservadora da época.

Não muito tempo depois do escândalo com o retrato “Madame X”, Sargent mudou-se para Londres, onde viveu pelo resto de sua vida. Ele guardou o quadro e cerca de trinta anos depois o vendeu para o Metropolitan Museum of Art.

Madame X (Madame Pierre Gautreau), John Singer Sargent, 1884

Faleceu em Londres em 14 de abril de 1925, enquanto preparava-se para uma viagem para Boston, vítima de uma ataque cardíaco. Encontra-se sepultado em Brookwood Cemetery, Brookwood, Surrey na Inglaterra.[2]

Desenho de Sargent.

Referências

  1. a b «John Singer Sargent | American painter». Encyclopedia Britannica (em inglês). Consultado em 8 de agosto de 2019 
  2. Findagrave.com. «John Singer Sargent». Consultado em 08 de setembro de 2012 (em inglês)  Verifique data em: |acessodata= (ajuda)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) pintor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre John Singer Sargent