Jorge Corrula

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Jorge Corrula
Nome completo Jorge Miguel Baleiza Corrula
Nascimento 16 de março de 1978 (39 anos)
Nacionalidade português
Ocupação Actor
Cônjuge Paula Lobo Antunes
Outros prémios
Troféu TV 7 Dias de Melhor Ator de Série (2016)
IMDb: (inglês)

Jorge Miguel Baleiza Corrula (16 de março de 1978) é um actor português.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Popularizou-se em 2005 pela sua interpretação no filme O Crime do Padre Amaro, de Carlos Coelho da Silva, produção portuguesa que bateu os recordes de afluência do público às salas de cinema nacionais. Trabalhou também no cinema na curta-metragem Vampiro de Carlos Conceição.

Presença assídua em telenovelas e séries televisivas, integrou o elenco de produções como A Minha Família é uma Animação (2000/01), Morangos com Açúcar (2003/04), Mistura Fina (2004/05), Sete Vidas (2006/07), Floribella (2006/07), Resistirei (2007/08) e Flor do Mar (2008/09)

No teatro participou regularmente em projectos do Teatro da Trindade, sob a direcção do encenador Jorge Fraga, salientando Romeu e Julieta de Shakespeare. Trabalhou depois com Maria Emília Correia, Henrique Felix, Alfredo Brissos, Tiago Torres da Silva, João Lourenço.

Televisão[editar | editar código-fonte]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Jorge Corrula abandonou em 1999 o Curso de Direito da Universidade Independente ingressando no Curso de Formação de Actores Escola Superior de Teatro e Cinema de Lisboa. Tem uma filha com Paula Lobo Antunes nascida no dia 23 de outubro 2012, chamada Beatriz.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]