Jorge Lima Barreto

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Jorge Lima Barreto
Nome completo Fernando Jorge da Ponte de Lima Barreto
Nascimento 26 de Dezembro de 1949
Vinhais
Morte 9 de julho de 2011 (61 anos)
Nacionalidade português(a)

Fernando Jorge da Ponte de Lima Barreto, mais conhecido como Jorge Lima Barreto (Vinhais, 26 de Dezembro de 1949 - Lisboa, 9 de Julho de 2011), foi um músico, escritor, conferencista, improvisador (piano, polinstrumentismo acústico e electrónico), musicólogo e professor assistente das cadeiras de Introdução às Ciências Humanas, Crítica da Cultura e Estética, na Faculdade de Letras do Porto e da Escola Superior de Belas Artes do Porto (1974-1978)[1].

Fundador: dos Anar Band (1969), que teve a participação de Rui Reininho; da Associação de Música Conceptual com Carlos Zíngaro (1973); dos Telectu[2] (1981) com Vitor Rua, estes com uma vasta discografia; e do duo Zul zelub, com Jonas Runa (2007). Colaborou entre outros com: Elliot Sharp, Chris Cutler, Sunny Murray, Jac Berrocal, Louis Sclavis, Daniel Kientzy, Giancarlo Schiaffini, Evan Parker, Gerry Hemingway, Paul Lytton, Eddie Prévost.

Licenciado em História da Arte em 1973. Doutorado em 1993 pela Universidade Nova de Lisboa, com a tese “Música & Mass Media”[3], e em 2010 com a tese "Estética da Comunicação Musical - a Improvisação".

Realizou também música para teatro, dança, pintura, poesia, vídeo-arte, performance, multimédia e cinema.

Referências

  1. [https://www.meloteca.com/portfolio-item/jorge-lima-barreto/ Jorge Lima Barreto Improvisação, Meloteca, 2018]
  2. «Música Portuguesa». Consultado em 10 de julho de 2011. Arquivado do original em 22 de julho de 2012 
  3. https://culturgest.graficosdofuturo.com/arquivo/2006/musica_e_mass_media.html Música & Mass Media, Quatro conferências para a Culturgest Por Jorge Lima Barreto (Arquivo CCB)

Ligações externas[editar | editar código-fonte]