Jorge Oteiza

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde outubro de 2011). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Jorge Oteiza
Nome nativo Jorge Oteiza Enbil
Nascimento 25 de outubro de 1908
Orio
Morte 9 de abril de 2003 (94 anos)
San Sebastián
Cidadania Espanha
Etnia Bascos
Ocupação poeta, escultor, pintor, arquiteto
Prêmios Prémio Princesa das Astúrias para as Artes, Prémio Manuel Lekuona, Medalha de Ouro do Mérito nas Belas Artes
Movimento estético arte abstrata
Assinatura
Firma de Oteiza en la 'Variante ovoide de la desocupación de la esfera' de Bilbao.jpg

Jorge Oteiza Enbil (Orio, Guipúscoa, 25 de outubro de 1908Donostia, Guipúscoa, 9 de abril de 2003) foi um famoso escultor, desenhador, pintor e escritor basco, nascido na região de Navarra.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Modernista declarado, publicou em 1962 o livro Quosque tandem, o qual tratava da arte pré-histórica no País Basco, período no qual muito se inspirou.

De grande importância para Espanha e, essencialmente para o País Basco, as suas obras podem ser vistas nos melhores museus do seu país e da Europa. A Desordenação do Espaço, por exemplo, uma das suas obras mais conhecidas, encontra-se actualmente exposta no Museu Nacional Centro de Arte Reina Sofia, ao lado de obras como Guernica, de Pablo Picasso, Espírito dos pássaros, de Eduardo Chillida, e Forma, de Mateo Inurria.