Jorundo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Jorundo
Enforcamentos na Saga dos Inglingos. Gravura de Gerhard Munthe.
Consorte Desconhecida
Nascimento Ca. 487
  Upsália, Terra dos Suíones
Morte Ca. 548
  Oddesund, Dinamarca
Casa Casa dos Inglingos
Pai Ínguino
Filho(s) Aun

Jorundo (em latim: Jorundus), também referido como Jörund, Jørund, Jorund, Eorund, Jörundr, foi um rei lendário dos Suíones no século V, estabelecido em Velha Upsália. Pertenceu à Dinastia dos Inglingos, sendo filho do rei Ínguino e pai do rei Aun.

Jorundo e Érico eram filhos do rei co-regente Ínguino. Durante o reinado do primo e rei Hugleik, eles estavam ausentes, dedicando-se a expedições marítimas de pilhagem nos países vizinhos – no estilo dos viquingues. Ao saberem que Hake tinha usurpado o trono dos Suíones, Érico e Jorundo voltaram a Upsália e deram batalha a Hake. Érico foi morto na contenda e Hake ficou ferido de morte, morrendo depois. Jorundo assumiu então o cargo de rei dos Suíones. Um verão, Jorundo estava novamente em expedição de pilhagem na Dinamarca, quando foi atacado pelo rei Gylaug de Hålöga, feito prisioneiro e enforcado, no mesmo sítio em que ele próprio tinha enforcado Gudlaug, pai de Gylaug.

Está mencionado na Lista dos Inglingos (do poeta norueguês Tiodolfo de Hvinir do século IX), na Saga dos Inglingos (do historiador islandês Snorri Sturluson do século XIII), e na História da Noruega (de anónimo do século XII).[1][2]

Referências

  1. «Ynglinga saga - 28. Dauði Jörundar.» (em nórdico antigo). Heimskringla 
  2. Lagerqvist, Lars; Nils Åberg (2004). «Saga och sägen om våra förhistoriska kungar (Lendas e tradições dos nossos reis pré-históricos)». Litet lexikon över Sveriges regenter (Pequeno léxico dos regentes da Suécia) (em sueco). Boda kyrkby: Vincent. p. 7. 63 páginas. ISBN 91-87064-43-X 

Precedido por
Hake
Rei dos Suíones
século V
Sucedido por
Aun, o Velho