José (irmão de Jesus)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

No Novo Testamento, José Adelfo é um dos irmãos de Jesus relatados em (Marcos 6:3; Marcos 15:40; Mateus 13:55-57 e Mateus 27:56).

O termo grego ἀδελφοὶ ou adelphoi, é traduzido como 'irmãos', gerados de mesmo útero, irmãos na fé, meios-irmãos ou primos, dependendo do contexto apresentado.

Identificado como um dos irmãos de Jesus nas passagens citadas pelos Evangelhos, há dissensões dentro do Cristianismo sobre seu grau de parentesco com Jesus.

Para Católicos Romanos, José Adelfo é filho de Maria de Cleófas, tratada com irmã de Maria de Nazaré, sendo assim, visto como primo de Jesus.

Há uma corrente do Cristianismo que o trata como meio-irmão de Jesus pela crença de que seria filho de um primeiro casamento de José de Nazaré, antes de casar-se com Maria. Esta linha de pensamento soa em discordância com muitas outras linhas apologéticas, pois tendo José (pai), filhos de um casamento anterior, seria então, seu primogênito herdeiro por direito ao Trono Davídico, não Jesus.

Para boa parte das Igrejas Reformadas, de linha Protestante, José Adelfo é filho de José de Nazaré com Maria, sendo assim meio-irmão de Jesus. Uma vez que o casamento é um voto instituído por Deus, para coabitação e assim, se tornarem uma só carne por meio do matrimônio. Acredita-se que essa seja a leitura mais natural do contexto Bíblico, porém, rebate diretamente a doutrina da Virgindade Perpétua de Maria, aderida pelo Catolicismo Romano.

Desde a Patrística, houve uma dissensão que envolvia a base da fé Cristã, ao afirmar que Jesus é Deus, em consubstanciação com o Pai. As crenças entre os Pais da Igreja eram difusas, e havia uma pressão Judaica que visava o Cristianismo com uma seita a ser combatida, por não admitirem tal testemunho cristão.

No Século II, com a relutância dos Judeus, houve uma tentativa por parte deles juntamente com Celso, filósofo e autor pagão, avesso ao Cristianismo, de mesclar a história de Jesus de Nazaré com Yeshu Ben Panthera, afim de difamá-lo como sendo filho de um centurião romano por nome José Panthera com uma mulher promíscua de nome Maria. Essa tese foi derrubada e desmistificada mediante os relatos dos Evangelhos, e embates entre os Pais da Igreja posteriormente.

Muitas outras fontes, entre as quais, haviam apócrifos que atestavam a Virgindade Perpétua de Maria, como uma forma de preservar a divindade de Cristo, uma vez que se associassem o fato de que Jesus teve irmãos, logo, muitos poderiam suspeitar de que não é Filho de Deus.

É importante salientar, que no período Pré-Niceno, essa questão não era debatida, pois muitos aceitavam o fato de José e Maria terem outros filhos e filhas.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Nada se sabe a respeito da vida deste personagem, pois seu nome é citado apenas nos Evangelhos Sinópticos, onde seu nome está registrado entre os irmãos de Jesus: Tiago, Judas e Simão, além de possivelmente duas ou mais mulheres.

Árvore Genealógica[editar | editar código-fonte]

Além das genealogias de Jesus presentes nos evangelhos de Lucas e Mateus, tem havido diversas tentativas de montar um retrato detalhado da família de Jesus:

                          Matthat bar Levi
                                  |
        Eleazar                   |
        |                     Heli/Eliaquim
        |                           |
        Matã                ________|____________
        |                   |                   |
        |                   |                   |
    Maria+ Deus         = José (1st) =   Cleofas (2nd)
          |                                     |
          |              _______________________|___________
          Jesus          |      |     |      |      |     |
          5 a.C.- 28     |      |     |      |      |     |
                       Tiago  Joses Judas  Simão  Maria  Salomé
                          m.62 d.C.     |   m. 101 d.C.
                                  ____|____
                                 |         |
                                 |         |
                             Zacarias   Tiago
                           vivos no reinado de Domiciano
  • Versão II (editada)
      __________________________________________
      |                                        |
      |                                        |
 Maria=José                                 Cleofas=Maria
     |                                                |
     |______________________________________          |
     |    |     |     |     |      |      |           Simeão
     |    |     |     |     |      |      |           d. 106
    Jesus Tiago Joses Simão irmã  irmã  Judas
          d.62                             |
            |                            Menahem
          Judas                           ____|____
            |                            |        |
         Elzasus                       Tiago     Zoker
            |                                 ?
          Nascien                             |
                                             bispo de Judah Kyriakos 

Obras Históricas[editar | editar código-fonte]

As obras históricas do Cristianismo Primitivo, corroboram com os eventos daquela época com margem para períodos posteriores. Dentro desse quadro, podemos apontas alguns mais conhecidos: Hegésipo, Flávio Josefo e Eusébio de Cesaréia.

Dentro dos eventos narrados, é possível apontar os irmãos de Jesus como sendo de mesmo núcleo familiar, pois é de cunho histórico que o início da Igreja que se deu em Jerusalém, teve a aprovação dos Apóstolos Pedro, João e Tiago Maior, na escolha do líder da Igreja, que foi dirigida primeiramente por Tiago, o Justo, e após seu martírio, Simeão, seu primo, (filho de "Cléofas" ou "Clopas") o sucedeu.

Essa escolha se deu por entenderem a importância dos descendentes de Davi, na sucessão da liderança da Igreja.

Sabe-se que o Tiago referido como líder da Igreja e descendente de Davi, era chamado "Filho de José", como mostra Eusébio de Cesaréia em seu Livro História Eclesiástica, citando a obra "Memórias" (perdida atualmente) de Hegésipo. Com isso, é provado o grau de parentesco dos citados "irmãos", com Jesus.

Também é revelado que José (pai) era irmão de Cléofas.

Cléofas era pai de Simeão, e marido da também citada nos Evangelhos, Maria de Cléofas.

Itens relacionados[editar | editar código-fonte]

Predefinição:Citações

Referências[editar | editar código-fonte]