José Henrique da Silva Dourado

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Henrique Dourado
Informações pessoais
Nome completo José Henrique da Silva Dourado
Data de nasc. 15 de setembro de 1989 (28 anos)
Local de nasc. Guarulhos (SP), Brasil
Altura 1,84 m
Canhoto
Apelido Ceifador
Informações profissionais
Período em atividade 2010–presente (7 anos)
Clube atual Fluminense
Número 9
Posição Atacante
Clubes profissionais2
Anos Clubes Jogos e gol(o)s
2010–2013
2011
2011–2012
2012
2012
2013
2013
2014
2015
2015–2016
2016–
União São João
São Caetano (emp.)
Cianorte (emp.)
Chapecoense (emp.)
Mogi Mirim
Santos (emp.)
Portuguesa (emp.)
Palmeiras (emp.)
Cruzeiro (emp.)
Vitória de Guimarães (emp.)
Fluminense
0028 0000(7)
0002 0000(1)
0030 000(14)
0008 0000(5)
0020 0000(8)
0003 0000(0)
0028 000(10)
0038 000(18)
0011 0000(1)
0030 000(12)
0073 000(34)


2 Partidas e gols totais pelo
clube, atualizados até 3 de dezembro de 2017.

José Henrique da Silva Dourado[1] (Guarulhos, 15 de setembro de 1989), mais conhecido apenas por Henrique Dourado,[2] é um futebolista brasileiro que atua como atacante. Atualmente joga pelo Fluminense.

Carreira

Início

Henrique começou a sua carreira em 2009, no CA Lemense, onde conquistou o acesso para a Série A3. Em 2010 foi para o União São João. Em Agosto de 2011, ele vai para o São Caetano para a disputa do Campeonato Brasileiro - Série B.[3] Ele marca seu primeiro gol pela equipe sul-caetanense um mês depois de sua contratação em 19 de setembro, contra o Gremio Barueri.[4]

Após sua rápida passagem pelo São Caetano, Henrique parte para a equipe do Caxias Do Sul.[5] Em 2012, ele vai para a Chapecoense.[6] Ele contribui para a promoção do clube, marcando 5 gols em 8 partidas. Em dezembro de 2012, ele assina um com o Mirassol.[7] Ele faz a sua estréia pelo Mirassol em 20 de janeiro de 2013 contra a Ponte Preta,[8] e faz seu primeiro gol pelo sapão contra o Corinthians.[9] Em 27 de abril daquele ano, Henrique consegue um "hat-trick" (3 gols no mesmo jogo) na vitória de 6 a 0 diante do Botafogo de Ribeirão Preto pelas quartas de final do Campeonato Paulista 2013.[10]

Santos e Portuguesa

Em 21 de maio de 2013, Henrique assina um acordo de empréstimo de 1 ano com o Santos, porém com contrato assinado com o Mirassol.[11] Cinco dias depois, faz a sua estréia pelo Santos no empate em 0 a 0 diante do Flamengo pelo Campeonato Brasileiro Série A 2013.[12]

Em 9 de setembro de 2013, após apenas 3 partidas disputadas pelo Santos, Henrique assina novo contrato de empréstimo, agora com a Portuguesa.[13]

No Paulistão 2014, ainda atuando pela Portuguesa, Henrique marcou 7 vezes, tornando-se o artilheiro da Lusa no torneio.[14]

Palmeiras

No dia 28 de abril de 2014, o Palmeiras anunciou o empréstimo de Henrique até o final da temporada.[15] Henrique começou marcando 4 gols nos 4 primeiros jogos disputados,[16] quase igualando o recorde de Cleiton Xavier, que marcou 5 nas suas primeiras 5 partidas pelo Palmeiras.[17] Durante essa fase Henrique lançou uma comemoração bastante irreverente, no jogo de volta contra o Sampaio Corrêa pela 2ª fase da Copa do Brasil 2014, em que comemorou fazendo menção a uma guilhotina no pescoço, com a mão como se fosse uma foice,[18] a comemoração inusitada acabou virando febre na internet e lhe rendeu o apelido de "ceifador".[19] Fez o gol de empate por 1-1 contra o Atlético Paranaense, batendo pênalti com muita categoria, e garantiu o verdão na série A do Brasileiro em 2014.

Cruzeiro

No dia 7 de Fevereiro de 2015, o Cruzeiro anunciou o empréstimo de Henrique até o final da temporada.

Vitória Guimarães

Após a 6 meses e apenas 1 gol, rescindiu o contrato com o Cruzeiro[20] para jogar no Vitória de Guimarães de Portugal por empréstimo de 1 ano ,com opção de compra no final do empréstimo.[21]

Fluminense

No dia 30 de Junho de 2016, o Fluminense anunciou a contratação de Henrique por 4 anos.

Marcou gol no clássico contra o Vasco da Gama, na goleada do Fluminense por 3-0 contra o rival, na estreia dos dois times no carioca. Na final da Taça Guanabara Henrique marcou o gol de empate em 2-2 contra o Flamengo. No final a partida acabou ficando empatada 3-3 e o Fluminense acabou ganhando nos pênaltis e conquistando o título.

No Brasileirão marcou dois gols contra o Vasco da Gama, na partida que o tricolor perdeu no final, levando o gol aos 47 do segundo tempo, perdendo por 3 a 2. Na rodada contra o Avaí na Ressacada, o Fluminense ganhou por 3 a 0, Henrique marcou o seu nono gol em nove jogos disputados, aproveitando bobeada do goleiro. Após alguns jogos sem marcar no Brasileiro, fez gol na vitória por 3 a 1 contra o Atlético Goianiense no Maracanã, seu décimo no campeonato. Na derrota tricolor para o Atlético Paranaense na Arena da Baixada por 3 a 1 marcou seu décimo quarto gol, igualando a marca dos artilheiros de 2016, mas faltando ainda 13 rodadas para acabar o Brasileirão.

Especialista em Pênaltis

Ao longo de sua carreira sempre bateu pênaltis. Apenas uma vez perdeu, quando jogava pelo Palmeiras. Em uma partida contra o Atlético Mineiro, chutou para fora a penalidade. Ou seja, nenhum goleiro até hoje defendeu uma cobrança do Ceifador.[22]

Títulos

Portuguesa
Fluminense

Títulos individuais

Artilharias

Fluminense

Referências

  1. «Detalhes do atleta». zerozero.pt. Consultado em 20 de julho de 2014 
  2. «Dados pessoais de Henrique». palmeiras.com.br. Consultado em 20 de julho de 2014 
  3. «Santo André se reforça para sequência da série C». archive.today. Consultado em 20 de julho de 2014 
  4. «Santo André termina participação na Série C com empate». metodista.br. Consultado em 20 de julho de 2014 
  5. «Reforços já treinam no Cianorte». archive.today. Consultado em 20 de julho de 2014 
  6. «Chega o 16º atacante na temporada». futebolsc.com. Consultado em 20 de julho de 2014 
  7. «Henrique chega para reforçar o ataque do Sapo». mogimirim.com.br. Consultado em 20 de julho de 2014 
  8. «Ponte Preta não sai do 0 a 0 com o Mogi Mirim». planetaesporte.correio.com.br. Consultado em 20 de julho de 2014 
  9. «COM PATO DE OLHO, TITULARES DO TIMÃO VOLTAM COM VIRADA SOBRE O MOGI». globoesporte.globo.com. Consultado em 20 de julho de 2014 
  10. «Com show no 2º tempo, Mogi Mirim massacra o Botafogo e pega o Santos». globoesporte.globo.com. Consultado em 20 de julho de 2014 
  11. «Santos FC acerta empréstimo do atacante Henrique, ex-Mogi Mirim, até o final da temporada». teckler.com. Consultado em 20 de julho de 2014 
  12. «NEYMAR CHORA, MAS NÃO BRILHA, E SANTOS EMPATA POR 0 A 0 COM O FLA». globoesporte.globo.com. Consultado em 20 de julho de 2014 
  13. «Sem espaço no Santos, atacante Henrique acerta com a Portuguesa». lancenet.com.br. Consultado em 20 de julho de 2014 
  14. «PAULISTA - SÉRIE A1 2014 - Artilharia». fpf.org.br. Consultado em 20 de julho de 2014 
  15. «Palmeiras anuncia a contratação do atacante Henrique, ex-Portuguesa». globoesporte.globo.com. Consultado em 20 de julho de 2014 
  16. «Com 4 gols em 4 jogos, Henrique é lampejo de alegria no Palmeiras». torcedores.com. Consultado em 20 de julho de 2014 
  17. «Último a marcar nos 5 primeiros jogos, C. Xavier vibra com fase de Henrique». palmeiras.com.br. Consultado em 20 de julho de 2014 
  18. «Confiante, Henrique quer aumentar sequência de gols no Palmeiras - (ver video)». globoesporte.globo.com. Consultado em 20 de julho de 2014 
  19. «Alan quem? Boa fase de Henrique faz Kardec virar piada na web». esportes.r7.com. Consultado em 20 de julho de 2014 
  20. «Sensação do último Brasileiro, Henrique 'Ceifador' rescinde contrato com Cruzeiro». espn.uol.com.br. 16 de julho de 2015. Consultado em 7 de junho de 2017 
  21. «Henrique, ex-Cruzeiro, acerta com Vitória de Guimarães-POR». www.futebolinterior.com.br. 23 de julho de 2015. Consultado em 7 de junho de 2017 
  22. «Por que Henrique Ceifador nunca erra pênaltis? A ESPN revela o segredo». ESPN 

Ligações externas