José Ignacio Pavón

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
José Ignacio Pavón
Nascimento 1791
Veracruz
Morte 24 de maio de 1866 (74–75 anos)
Cidade do México
Cidadania México
Ocupação advogado, assessor jurídico, político

José Ignacio Pavón (Veracruz, 1791 - Cidade do México, 25 de Maio de 1866) foi um político conservador mexicano, tendo ocupado interinamente e por dois dias a presidência do governo conservador, durante a Guerra da Reforma.[1]

Fez estudos em filosofia e direito, tendo ocupado diversos cargos públicos ao longo da sua vida. Assumiu a presidência do governo conservador entre 13 e 15 de Agosto de 1860, apenas o tempo suficiente para convocar uma junta de notáveis que elegeu Miguel Miramón como presidente interino.[1]

Referências

  1. a b Gómez, Juana Vázquez (1997). Dictionary of Mexican Rulers, 1325-1997 (em inglês). Westport: Greenwood Publishing Group. p. 89 

Precedido por
Félix María Zuloaga
Presidente do México (interino - governo conservador)
13 de Agosto a 15 de Agosto de 1860
Sucedido por
Miguel Miramón
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço relacionado ao Projeto Biografias de Políticos. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.