José Luis Tamayo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
José Luis Tamayo
Presidente do Equador
Período 1 de setembro de 1920 - 31 de agosto de 1924
Antecessor(a) Alfredo Baquerizo
Sucessor(a) Gonzalo Córdova
Dados pessoais
Nascimento 29 de julho de 1858
Santa Elena, Equador
Morte 7 de julho de 1947 (88 anos)
Guayaquil, Equador
Primeira-dama Esther Concha Torres
Profissão Político

José Luis Tamayo Terán (Santa Elena, 29 de julho de 1858Guayaquil, 7 de julho de 1947) foi um advogado e político equatoriano. Ocupou o cargo de presidente de seu país entre 1 de setembro de 1920 e 31 de agosto de 1924.[1]

Entre as ações de Tamayo no cargo estava a promulgação dos primeiros regulamentos do Equador com relação à indústria do petróleo, embora a lei tivesse pouco efeito prático.[2] Ele também foi ativo no estabelecimento de taxas de vice a fim de financiar programas para conter a propagação de doenças venéreas entre as prostitutas de Quito.[3]

Referências

  1. «Official Website of the Ecuadorian Government about the country» (em espanhol). President's History. Consultado em 20 de junho de 2016  [ligação inativa]
  2. Martz, John D. (1987). Politics and Petroleum in Ecuador. [S.l.]: Transaction Publishers. p. 47. ISBN 9781412831338 
  3. Clark, A. Kim (2012). Gender, State, and Medicine in Highland Ecuador: Modernizing Women, Modernizing the State, 1895-1950. [S.l.]: University of Pittsburgh Press. p. 81. ISBN 9780822978053 

Precedido por
Alfredo Baquerizo
Presidente do Equador
19201924
Sucedido por
Gonzalo Córdova
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.