José Rodrigues Alves Barbosa

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde janeiro de 2012). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Armas do barão de Santa Fé.

José Rodrigues Alves Barbosa, primeiro e único barão de Santa Fé (Sacra Família do Tinguá, 1803Rio de Janeiro, 3 de dezembro de 1889), foi um fazendeiro e nobre brasileiro.

Filho de Francisco Rodrigues Barbosa, fazendeiro na antiga freguesia de Santa Teresa, e Mariana Rosa de Jesus, era irmão da baronesa do Ribeirão, e neto paterno de Francisco Rodrigues Alves, natural da ilha das Flores (Açores), primeiro sesmeiro de Vassouras, Rio de Janeiro, e considerado um dos fundadores da localidade.

Foi fazendeiro de café na então província do Rio de Janeiro e provedor da Santa Casa de Misericórdia de Valença. Proprietário das fazendas do Bananal, em Rio das Flores, e São Filipe, em Três Ilhas (Minas Gerais).

Casou-se com sua prima Leopoldina Augusta Alves Barbosa, filha de Jacinto Alves Barbosa, primeiro barão de Santa Justa e de sua mulher Tomásia Maria de Jesus.

Foi sepultado no Cemitério São João Batista na capital fluminense.

Títulos nobiliárquicos[editar | editar código-fonte]

Agraciado como comendador da Imperial Ordem da Rosa.

Barão de Santa Fé

Título conferido por decreto imperial em 13 de fevereiro de 1875, referendado por João Alfredo Correia de Oliveira.

Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.