Joseph Freiherr von Eichendorff

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita nenhuma fonte ou referência, o que compromete sua credibilidade (desde outubro de 2011).
Por favor, melhore este artigo providenciando fontes fiáveis e independentes, inserindo-as no corpo do texto por meio de notas de rodapé. Encontre fontes: Googlenotícias, livros, acadêmicoScirusBing. Veja como referenciar e citar as fontes.
Joseph von Eichendorff

Joseph Freiherr von Eichendorff (Castle Lubowitz, Ratibor, Silésia, agora Polônia, 10 de março de 1788Nysa, 26 de novembro de 1857) foi um poeta e romancista alemão da escola romântica alemã.

Eichendorff é considerado como um dos mais importantes escritores românticos alemães e suas obras desfrutam de grande popularidade na Alemanha até os dias atuais.

Trabalhos selecionados[editar | editar código-fonte]

  • Die Zauberei im Herbst (1808)
  • Oberschlesische Märchen und Sagen (Upper Silesian fairytales and sagas, 1808–1810)
  • Abschied (1910, translated as Parting/Separation/Farewell/Wrench; also known as O Täler weit, o Höhen from its beginning verse)
  • Ahnung und Gegenwart (1815)
  • Das Marmorbild (The Marble Statue, 1819)
  • Aus dem Leben eines Taugenichts (Life of a Good-For-Nothing, 1826)
  • Dichter und ihre Gesellen (1833)
  • Viel Lärmen um nichts (1833)
  • Auch ich war in Arkadien (1834 or 1838)
  • Die Meerfahrt (1835)
  • Mondnacht (Night of the Moon, published 1837)
  • Das Schloß Dürande (1837)
  • Die Entführung (1839)
  • Die Glücksritter (1841)
  • In Danzig (Dunkle Giebel hohe Fenster) (1842)
  • Geschichte der poetischen Literatur Deutschlands (published 1857)
  • Libertas und ihre Freier
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.