Juan Carvajal

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Text document with red question mark.svg
Este artigo contém fontes no fim do texto, mas que não são citadas no corpo do artigo, o que compromete a confiabilidade das informações. (desde março de 2018)
Por favor, melhore este artigo inserindo fontes no corpo do texto quando necessário.
Juan Carvajal
Nascimento c.1400
Trujillo, Castela
Morte 6 de dezembro de 1469 (69 anos)
Roma
Ocupação bispo, cardeal, jurista e diplomata

Juan Carvajal (Trujillo, Espanha, c. 1400) — Roma, 6 de dezembro de 1469) foi um religioso, bispo, cardeal, jurista e diplomata espanhol.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Especialista em Direito canónico e civil, era já importante em Roma em 1440 como auditor externo do tribunal da Rota Romana e do governador da cidade. Dedicou a sua vida à diplomacia da Santa Sé. Segundo o cardeal Jacopo Ammanati teria sido enviado papal a vários países em 22 ocasiões.

Esteve várias vezes na Alemanha entre 1441 e 1448, empenhando-se com o cardeal Nicolau de Cusa em acalmar a agressividade dos princípes alemães contra o papa Eugénio IV, tentando superar a "neutralidade" destes no final da fase cismática do Concílio de Basileia (1431-1445). Chegou a conseguir obter tratados nesse sentido, como o que ficou conhecido como a Concordata dos Príncipes, em 1447 e a Concordata de Aschaffenburg, ou de Viena, em 1448.

Em 1443 foi nomeado bispo de Cória e no ano seguinte, bispo de Plasencia.

Foi nomeado cardeal de Sant Angelo in foro piscium pelo papa Eugénio IV em 14 de dezembro de 1446. Depois de 1461, foi nomeado de cardeal de Porto-Santa Rufina.

Notas

Referências

Nota: Obras não usadas diretamente; a lista é transcrita do artigo «Juan Carvajal» na Wikipédia em inglês (acessado nesta versão).

  • «Juan Carvajal (Carvagial)». www.newadvent.org (em inglês). Enciclopédia Católica. Consultado em 5 de maio de 2010. Cópia arquivada em 5 de maio de 2010 
  • Pastor, History of the Popes from the Close of the Middle Ages (tr. London, 1894), IV, 131-35 and passim;
  • Lopez, De rebus gestis S. R. E. Card. Carvajal commentarius (Rome, 1754)
  • Pray, Annales regni Hungariæ stirpis mixtæ (Pesth, 1780), VI, xiii, ii, 1448-58
  • Antonio, Nicolás, Bibliotheca Hispana vetus, sive, Hispani scriptores qui ab Octaviani Augusti aevo ad annum Christi MD. floruerunt, Matriti : Apud viduam et heredes D. Ioachimi Ibarrae ..., 1788, II, 296.
  • Vast, Henri, Le Cardinal Bessarion, Paris, Hachette et Cie, 1878.
  • Stieber, Joachim W., Pope Eugenius IV, the Council of Basel and the secular and ecclesiastical authorities in the Empire: the conflict over supreme authority and power in the church, Leiden: Brill, 1978.
  • Gómez Canedo, Lino, Un español al servicio de la Santa Sede, Don Juan de Carvajal: cardenal de Sant'Angelo legado en Alemania y Hungria, 1399?-1469, Madrid : Consejo Superior de Investigaciones Científicas, Instituto Jeronimo Zurita, 1947.
  • Davies, Martin, Juan de Carvajal and Early Printing: The 42-line Bible and the Sweynheym and Pannartz Aquinas in The Library, 18 (1996) 193-215.


Ícone de esboço Este artigo sobre Episcopado (bispos, arcebispos, cardeais) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.
Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um(a) historiador(a) é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.