Julián Fuks

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Julián Fuks
Nascimento 1981 (38 anos)
São Paulo
Residência São Paulo
Nacionalidade brasileira
Ocupação escritor e crítico literário
Principais trabalhos Fragmentos de Alberto, Ulisses, Carolina e eu (2004) e Procura do romance (2012)
Prémios Prémio Literário José Saramago (2017)

Julián Fuks (São Paulo, 1981) é um escritor e crítico literário brasileiro, filho de pais argentinos. Em 2012, foi eleito pela revista Granta um dos vinte melhores jovens escritores brasileiros. [1][2] Em 2016, ganhou o Prêmio Jabuti na categoria romance e foi 2º colocado do Prêmio Oceanos de Literatura em Língua Portuguesa com o livro A Resistência.[3]

Obras publicadas[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Entrevista - Procura do romance. Editora Record
  2. Os favoritos de Julián Fuks. CBN, 14 de dezembro de 2011
  3. «Romance - 58º Prêmio Jabuti 2016». 58º Prêmio Jabuti 2016. 7 de novembro de 2016. Consultado em 25 de novembro de 2016. Arquivado do original em 18 de agosto de 2017 
  4. Em seu novo livro, Julián Fuks faz paralelo entre ficção e realidade. Correio Braziliense, 7 de fevereiro de 2012
  5. As vísceras - pequena entrevista com Julián Fuks. Terra Magazine, 6 de fevereiro de 2009

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) escritor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.