Julian Byng

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Marechal de Campo O Muito Honorável
O Visconde Byng de Vimy
GCB GCMG MVO
Governador-geral do Canadá
Período 2 de agosto de 1921
a 5 de agosto de 1926
Monarca Jorge V
Antecessor(a) O Duque de Devonshire
Sucessor(a) O Visconde Willingdon
Dados pessoais
Nome completo Julian Hedworth George Byng
Nascimento 11 de setembro de 1862
Wrotham Park, Hertfordshire,
 Reino Unido
Morte 6 de junho de 1935 (72 anos)
Thorpe-le-Soken, Essex,
 Reino Unido
Progenitores Mãe: Harriet Elizabeth Cavendish
Pai: George Byng, 2.º Conde de Strafford
Alma mater Eton College
Esposa Evelyn Moreton (1902–1925)
Assinatura Assinatura de Julian Byng
Serviço militar
Serviço/ramo Exército Britânico
Anos de serviço 1879–1919
Graduação Marechal de campo
Batalhas/guerras Guerra Mahdista
Segunda Guerra dos Bôeres
Primeira Guerra Mundial

Julian Hedworth George Byng, 1.º Visconde Byng de Vimy GCB GCMG MVO (Wrotham Park, 11 de setembro de 1862 – Thorpe-le-Soken, 6 de junho de 1935) foi um oficial do Exército Britânico e o 12.º Governador-geral do Canadá.[1][2]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Conhecido pelos amigos como "Bungo", nasceu no seio de uma família nobre em Wrotham Park em Hertfordshire, Inglaterra, e estudou no Eton College, tal como os seus irmãos. Depois de se licenciar, Byng prestou serviço como oficial de milícias seguindo-se uma comissão no Egipto e Sudão, antes de ir para o Staff College at Camberley. Ali, conheceu alguns amigos que seriam seus colegas quando passou a oficial superior em França. Depois de se distinguir na Primeira Guerra Mundial — em particular na Força Expedicionária Britânica em França, na Campanha de Galípoli, como comandante do Corpo Canadiano em Vimy Ridge, e como comandante do 3.º Exército Britânico — Byng foi distinguido em 1919 com o pariato. Em 1921, foi nomeado governador-geral pelo rei Jorge V, por recomendação do primeiro-ministro do Reino Unido David Lloyd George, para substituir o Duque de Devonshire como vice-rei, e ocupar esse posto até ser sucedido pelo Visconde de Willingdon em 1926.

Depois do seu serviço como vice-rei, Byng regressou para ser nomeado Comissário da Polícia Metropolitana, e distinguido como Visconde Byng de Vimy. Três anos de chegar a marechal-de-campo, Byng morreu em sua casa em 6 de Junho.

Referências

  1. Turner, Alexander (2005). Vimy Ridge 1917: Byng's Canadians Triumph at Arras. [S.l.]: Osprey Publishing. ISBN 978-1841768717 
  2. Williams, Jeffery (1983). Byng of Vimy: General and Governor General. [S.l.]: Leo Cooper in association with Secker & Warburg. ISBN 978-0850523003 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Julian Byng
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.