Julie Christie

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Julie Christie
Christie em Doctor Zhivago (1965).
Nome completo Julie Frances Christie
Nascimento 14 de abril de 1941 (80 anos)
Chabua, Índia britânica
Nacionalidade britânica
Ocupação Atriz
Atividade 1963 – presente
Oscares da Academia
Melhor Atriz
1966 - Darling
Globos de Ouro
Melhor Atriz - Drama
2008 - Away from Her
Prémios Screen Actors Guild
Melhor Atriz Principal
2008 - Away from Her
Prémios BAFTA
Melhor Atriz
1966 - Darling
Prémios National Board of Review
Melhor Atriz
1965 - Darling / Doctor Zhivago
2008 - Away from Her
Prémios Critics' Choice
Melhor Atriz em Cinema
2008 - Away from Her
Outros prêmios
Independent Spirit Award de Melhor Atriz
1998 - Afterglow

Julie Frances Christie (Chabua, 14 de abril de 1941) é uma atriz britânica, nascida na Índia. Considerada um ícone do "Swinging Sixties", ela recebeu vários prêmios ao longo de sua carreira, incluindo um Oscar, um Globo de Ouro, um prêmio BAFTA e um SAG Award.[1] Também apareceu em seis dos "100 maiores filmes britânicos do século XX", segundo o British Film Institute,[2] e em 1997, recebeu o BAFTA Fellowship.[3]

O seu primeiro papel de destaque no cinema foi em O Mundo Fabuloso de Billy Liar (1963). Ela chamou a atenção internacional por suas atuações em Darling - a Que Amou demais (1965), pelo qual ganhou o Oscar de melhor atriz,[4] e em Doutor Jivago (1965).

Nos anos seguintes, estrelou diversos outros papeis no cinema como em Farenheit 451 (1966), Longe Deste Insensato Mundo (1967), Petúlia - Um Demônio de Mulher (1968), O Mensageiro (1971), Onde os Homens São Homens (1971), pelo qual recebeu a sua segunda indicação ao Oscar, Inverno de Sangue em Veneza (1973), Shampoo (1975) e O Céu Pode Esperar (1978).

A partir do início da década de 1980, suas aparições em filmes diminuíram, embora ela tenha desempenhado papéis como Thetis no épico histórico Troia de Wolfgang Petersen e como Madame Rosmerta em Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban (ambos em 2004). Christie continuou a receber significativo reconhecimento da crítica por seu trabalho, incluindo indicações ao Oscar pelos filmes O Despertar do Desejo (1997) e Longe Dela (2007).

Início da vida[editar | editar código-fonte]

Christie nasceu em 14 de Abril de 1941 em Singlijan Tea Estate, na Índia, ela era a filha mais velha de Rosemary, uma pintora, e Francis "Frank" St. John Christie.

Após o divórcio de seus pais, Christie passou um tempo com sua mãe na zona rural do País de Gales. Como todas as garotas adolescentes da Escola Tribunal Wycombe, ela interpretou "Delfim" em uma produção de Shaw 's Joan Santo. Mais tarde, ela estudou na Escola Central de Expressão e Drama.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Julie Christie em Doctor Zhivago.

Início[editar | editar código-fonte]

Christie fez sua estreia em produções da televisão Britânica em 1957. Ela chegou a ser candidata ao papel de Honey Rider no primeiro filme de James Bond, Dr. No, mas o produtor achou que ela tinha seios muito pequenos para o papel.

Em 1962, ela atuou como coadjuvante nas comédias Ealing Studios: Crooks Anonymous e The Fast Lady. Mas o sucesso veio quando o diretor John Schlesinger lançou ela após uma atriz desistir no filme Billy Liar que lhe rendeu uma indicação ao BAFTA.

Mais tarde Schlesinger fez com que Christie ficasse mundialmente conhecida pelo papel como uma prostituta no filme Darling, após Shirley MacLaine desistir do papel, que rendeu para Christie o Oscar de Melhor Atriz.

Em 1965 ela atuou em mais dois filmes, um foi Young Cassidy, que foi dirigido por John Ford apesar dele não ter sido creditado, e o outro foi a produção de David Lean que é considerado o oitavo filme de maior bilheteria ajustado com a inflação, Doctor Zhivago. Nos anos seguintes Christie atuou em diversos filmes incluindo Fahrenheit 451 (1966), Far from the Madding Crow (1967), Petulia (1968) com George C. Scott.

Christie atuou em bem menos filmes na década de 1970, ela atuou no filme de Robert Altman no filme McCabe & Mrs. Miller que rendeu a ela sua segunda indicação ao Oscar. Durante este período ela teve um relacionamento com Warren Beatty e atuou em diversos filmes dele como Shampoo (1975) e Heaven Can Wait (1978). Ela também estrelou The Go-Between (1971), Don't Look Now (1973), e Demon Seed (1977).

Atualmente[editar | editar código-fonte]

Durante a década de 80, Christie ficou afastada do cinema, trabalhando apenas em algumas produções The Return of the Soldier (1982) e Heat and Dust (1983), e no filme de Sidney Lumet Power (1986).

Na década de 90, ela atuou em Hamlet filme de Kenneth Branagh, ela fez também o filme independente Afterglow, que lhe rendeu outra indicação ao Oscar, mas ainda assim ela continuou em uma quase aposentadoria, atuando apenas de vez em quando.

Em 2004, Christie fez diversas aparições em filmes como em Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban e Troy. Além de atuar como a mãe de Kate Winslet no filme Finding Neverland que lhe rendeu outra indicação ao BAFTA.

Após muita insistência de sua amiga Sarah Polley, ela aceitou atuar no filme Away from Her, filme onde ela interpreta Fiona uma mulher sofrendo de Mal de Alzheimer. Sua interpretação rendeu diversos prêmios importantes e de prestígio, como o Screen Actors Guild de Melhor Atriz Principal (Cinema) e o Globo de Ouro - Melhor Atriz (Drama), e tornou ela a franca favorita ao Oscar, mas acabou perdendo para a francesa Marion Cotillard.

Atualmente Christie atuou como a vovó no filme Red Riding Hood. E recentemente no suspense The Company You Keep (2012), com Robert Redford.

Vida pessoal[editar | editar código-fonte]

Relacionamentos[editar | editar código-fonte]

Ela chegou a ficar noiva de Don Bessant, que era um professor de arte, em 1965, antes de começar um famoso relacionamento com Warren Beatty, que rendeu uma série de parceria em filmes conhecidos, um deles é o filme Shampoo, onde Christie que era feminista, quase recusou por ser um filme machista mas só aceitou por causa do seu namoro.

Ela também se relacionou com Terence Stamp e Donald Sutherland, mas o relacionamento mais duradouro foi com Duncan Campbell, um jornalista do The Guardian, relação que começou no fim da década de 1970, mas eles só se casaram em 2007.

Ativismo[editar | editar código-fonte]

Christie além de feminista, ela atua defendendo várias causas diferentes, uma delas é que ela é defensora do Direitos dos animais, como é também defensora do Meio Ambiente e já se declarou contra as armas nucleares, além se ser extremamente ativa em uma campanha de solidariedade a Palestina.

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Ano Título Papel Notas
1961 Ann Televisão
1962 Crooks Anonymous Babette LaVern
The Fast Lady Claire Chingford
1963 Billy Liar Liz Indicada — BAFTA de Melhor Atriz
1965 Young Cassidy Daisy Battles
Darling Diana Scott Oscar de Melhor Atriz
BAFTA de Melhor Atriz
New York Critics Circle Award de Melhor Atriz
Moscow International Film Festival
National Board of Review Award de Melhor Atriz
Indicada - Globo de Ouro - Melhor Atriz (Drama)
Doctor Zhivago Lara Antipova BAFTA de Melhor Atriz
National Board of Review Award de Melhor Atriz
1966 Fahrenheit 451 Clarisse / Linda Montag Indicada - BAFTA de Melhor Atriz
1967 Far from the Madding Crowd Bathsheba Everdene
1968 Petulia Petulia Danner
1969 In Search of Gregory Catherine Morelli
1970 The Go-Between Marian – Lady Trimingham Indicada - BAFTA de Melhor Atriz
1971 McCabe & Mrs. Miller Constance Miller Indicada - Oscar de Melhor Atriz
1973 Don't Look Now Laura Baxter Indicada - BAFTA de Melhor Atriz
1975 Shampoo Jackie Shawn Indicada - Golden Globe Award de Melhor Atriz — Comédia ou Musical
1977 Demon Seed Susan Harris
1978 Heaven Can Wait Betty Logan
1981 Memoirs of a Survivor 'D'
1982 The Return of the Soldier Kitty Baldry
Les Quarantièmes rugissants Catherine Dantec
1983 Heat and Dust Anne
The Gold Diggers Ruby
Separate Tables Mrs. Shankland
1986 Champagne amer Betty Rivière
Power Ellen Freeman
Miss Mary Mary Mulligan
Sins of the Fathers Charlotte Deutz
1996 Dragonheart Queen Aislinn
Hamlet Gertrude
1997 Afterglow Phyllis Mann Indicada - Oscar de Melhor Atriz
Indicada - Oscar de Melhor Atriz
Indicada - Satellite Award de Melhor Atriz (Drama)
2001 Belphégor - Le fantôme du Louvre Glenda Spender
No Such Thing Dr. Anna
2002 I'm with Lucy Dori
Snapshots Narma
2004 Troy Thetis Cameo
Harry Potter and the Prisoner of Azkaban Madam Rosmerta Cameo
Finding Neverland Mrs. Emma du Maurier Indicada - BAFTA de Melhor Atriz Coadjuvante
2006 Away from Her Fiona Anderson Critics' Choice Award de Melhor Atriz
Dallas-Fort Worth Film Critics Association Award de Melhor Atriz
Golden Globe Award de Melhor Atriz- Filme (Drama)
London Film Critics Circle Award de Melhor Atriz do Ano
National Board of Review Award de Melhor Atriz
New York Film Critics Circle Award de Melhor Atriz
Phoenix Film Critics Society Award de Melhor Atriz
San Diego Film Critics Society Award de Melhor Atriz
San Francisco Film Critics Circle Award de Melhor Atriz
Screen Actors Guild Award de Melhor Atriz em Papel Principal
Southeastern Film Critics Association Award de Melhor Atriz
Toronto Film Critics Association Award de Melhor Atriz
Washington D.C. Area Film Critics Association Award de Melhor Atriz
Indicada - Oscar de Melhor Atriz
Indicada - BAFTA de Melhor Atriz
Indicada - Satellite Award de Melhor Atriz - Drama
2011 Red Riding Hood Vovó
2012 The Company You Keep Mimi Lurie

Referências

  1. «Glamorous icon of the swinging '60s: Julie Christie turns 75». Deutsche Welle (em inglês). Consultado em 6 de janeiro de 2021 
  2. «Best 100 British films - full list». BBC News (em inglês). 23 de setembro de 1999. Consultado em 6 de janeiro de 2021 
  3. «Actress Vanessa Redgrave honoured with BAFTA award». Reuters (em inglês). Consultado em 6 de janeiro de 2021 
  4. Academy of Motion Pictures Arts and Sciences. «Oscar 1966». oscars.org (em inglês). Consultado em 6 de janeiro de 2021 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Julie Christie
Applications-multimedia.svg A Wikipédia tem o

Precedida por
Julie Andrews
por Mary Poppins
Oscar de Melhor Atriz Principal
por Darling

1966
Sucedida por
Elizabeth Taylor
por Who's Afraid of Virginia Woolf?
Precedida por
Helen Mirren
por The Queen
Golden Globe Award de Melhor Atriz em Filme Dramático
por Away from Her

2008
Sucedida por
Kate Winslet
por Revolutionary Road
Precedida por
Helen Mirren
por The Queen
SAG de Melhor Atriz Principal no Cinema
por Away from Her

2008
Sucedida por
Meryl Streep
por Doubt
Precedida por
Audrey Hepburn
por Charade
BAFTA de Melhor Atriz Britânica
por Darling

1966
Sucedida por
Elizabeth Taylor
por Who's Afraid of Virginia Woolf?
Precedida por
Kim Stanley
por Séance on a Wet Afternoon
National Board of Review de Melhor Atriz
por Darling / Doctor Zhivago

1966
Sucedida por
Elizabeth Taylor
por Who's Afraid of Virginia Woolf?
Precedida por
Helen Mirren
por The Queen
National Board of Review de Melhor Atriz
por Away from Her

2008
Sucedida por
Anne Hathaway
por Rachel Getting Married
Precedida por
Frances McDormand
por Fargo
Independent Spirit Award de Melhor Atriz
por Afterglow

1998
Sucedida por
Ally Sheedy
por High Art
Precedida por
Helen Mirren
por The Queen
Critics Choice Award de Melhor Atriz
por Away from Her

2008
Sucedida por
Anne Hathaway por Rachel Getting Married
e Meryl Streep por Doubt