Károly Sándor Pallai

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Károly Sándor Pallai
Pallai Károly Sándor II
Károly Sándor Pallai, oceanista, historiador da literatura, tradutor
Nascimento 5 de junho de 1986
Miskolc, Flag of Hungary Hungria
Cônjuge Dr. Mária Patona (filólogo)
Ocupação oceanista, creolista, historiador da literatura, poeta, tradutor, editor
Influências
Prémios Prémio literário Naji Naaman: Prêmio Gênio (Líbano, 2016), Prémio literário Szabó Lőrinc (2016), Junior Templeton Fellow (2016), Bolsa para Jovens Talentos de Naçao (2015), Distinção ministerial do Ministério da Cultura das Seicheles (2013), 50 Jovens Talentos Húngaros ((2013))
Género literário poesia, teatro
Magnum opus Liberty Limited (2013)
Página oficial
http://pallaikaroly.com/

Károly Sándor Pallai (1986, Miskolc) é um oceanista,[1] creolista, historiador da literatura, poeta, tradutor e editor húngaro.

Biografia e obra[editar | editar código-fonte]

A sua adolescência foram marcadas por factos que o influenciariam posteriormente: tendo recebido uma educação na escola de jesuítas. O Inglês e Francês tiveram grande destaque na sua vida, trabalhando com os idiomas. Depois de deixar Liceu Jesuíta Fényi Gyula, Pallai foi educado na Universidade Eötvös Loránd onde obteve um M.A. em literatura francófona. Na universidade estudou francês, inglês, turca, otomana, russo e latim. Ele defendeu sua tese de doutorado consagrado as literaturas dos arquipélagos dos mares e oceanos (Caribe: Martinica, Guadalupe, Jamaica, Barbados, Porto Rico, Santa Lúcia, Haiti, oceano Índico: Seicheles e Oceania: Polinésia Francesa, Wallis e Futuna, Vanuatu))[2] com menção “Très honorable avec félicitations du jury” (a mais alta distinção acadêmica em um doutorado). Em 2016, recebeu um D.Phil com a maior honra e distinção.

É o fundador e o editor chefe da revisão eletrônica internacional da literatura, arte e teoria literária dos mares e oceanos Vents Alizés, e editor da revisão seichelense Sipay. É também o fundador e diretor da editora sem fins lucrativos Edisyon Losean Endyen.[3]

Em 2013 recebe uma distinção ministerial do Ministério da Cultura das Seicheles em consideração os trabalhos realizados para o estudo e divulgação da literatura e cultura seichelense.[4]

Como poeta, escreve e publica poemas em francês, inglês, espanhol, português, crioulo seichelense, romeno, turco, suaíli, tahitiano e húngaro, seus poemas foram publicados em numerosos países (Estados Unidos, França, Haiti, Irlanda, Inglaterra, Noruega, Dinamarca, Suiça, Tailândia, China, Canadá, Chile, Nigéria, Tahiti, Seicheles, Filipinas e Hungria).[5]

É membro de vários sociedades científicas e literárias (Estados Unidos, Austrália, Maurícia, França, Países Baixos, Venezuela, Grécia, Tailândia.[6] Em 2014, se eleiteu único membro húngaro da Sociedade Europeia dos Oceanistas.[7]

É primeiro tradutor húngaro das numerosas línguas estrangeiras (Papiamento, Sranan, Saramacano, Aukan, Sarnami, Crioulo seichelense, Crioulo de Maurício, Crioulo haitiano e Taitiano).[8]

A também análise as literaturas contemporâneas do Suriname, de Aruba, Curaçao, São Martinho (Países Baixos) e dos Países Baixos Caribenhos (Bonaire, Santo Eustáquio (Países Baixos), Saba).[9]

Prémios e condecorações[editar | editar código-fonte]

  • 2016: Bolsa para Jovens Talentos de Naçao - Programa Nacional dos Talentos
  • 2016: Prémio literário Naji Naaman: Prêmio Gênio (Líbano)
  • 2016: Prémio literário Szabó Lőrinc
  • 2016: Programa Templeton Húngaro
  • 2015: Bolsa para Jovens Talentos de Naçao - Programa Nacional dos Talentos
  • 2013: Distinção ministerial do Ministério da Cultura das Seicheles
  • 2013: 50 Jovens Talentos Húngaros

Monografias, obras teóricas[editar | editar código-fonte]

Ano Título Local Editor Comprimento ISBN
2017 Microlectures polynésiennes: Îles, consciences et identités dans la littérature contemporaine de la Polynésie française (literatura francofóna contemporánea de la Polinesia Francesa Pécs Departamento de Língua e Literatura Francesa, Universidade de Pécs (Acta Romanica Quinqueecclesiensis) 232 p. 978-963-429-145-9
2017 Mosaïque des océans: Idées, identités et enjeux dans les littératures contemporaines de la Caraïbe, de l'océan Indien et de l’Océanie (literatura do Caribe, do Oceano Índico e do Pacífico) Pécs Departamento de Língua e Literatura Francesa, Universidade de Pécs (Acta Romanica Quinqueecclesiensis) 228 p. 978-963-429-116-9
2017 Subjectivités seychelloises: Identité et insularité dans la poésie seychelloise contemporaine (poesia das Seicheles) Pécs Departamento de Língua e Literatura Francesa, Universidade de Pécs (Acta Romanica Quinqueecclesiensis) 113 p. 978-963-429-114-5

Obras literárias[editar | editar código-fonte]

Ano Título Local Editor Comprimento Gênero ISBN
2013 Liberty Limited Victoria (Seychelles) Éditions Arthée 133 p. Poesia 978-99931-846-3-8
2013 Mangeurs d'anémones Victoria (Seychelles) Éditions Arthée 104 p. Teatro 978-99931-846-2-1
2012 Soleils invincibles Victoria (Seychelles) Éditions Arthée 80 p. Poesia 978-99931-846-1-4

Obras traduzidas[editar | editar código-fonte]

Ano Título Autor Local Editor Comprimento Língua ISBN Nota
2017 À l'affût de Dieu Fellinger Károly Paris Éditions du Cygne 136 p. húngaro -> francês 978-2-84924-504-0 selecção, tradução e prefácio
2017 Bouria, szavak a viharban Denis Emorine Budapest Underground Kiadó 73 p. francês -> húngaro 978-963-12-8966-4 edição, tradução e prefácio
2017 The Treasure Chest Károly Fellinger Bratislava AB-ART 134 p. húngaro -> francês 978-80-8087-205-2 tradução
2017 Feuilles d'automne Manolis Aligizakis Paris Éditions du Cygne 56 p. inglês -> francês 978-2-84924-477-7 selecção, tradução e prefácio
2016 Chair impassible Attila F. Balázs Paris Éditions du Cygne 86 p. húngaro -> francês 978-2-84924-460-9 selecção, tradução e prefácio
2016 Naissance du visage étranger András Petőcz Paris Éditions du Cygne 82 p. húngaro -> francês 978-2-84924-447-0 selecção, tradução (com Georges Kassai), revisão
2015 Bétonnière ivre Károly Fellinger Paris Éditions du Cygne 104 p. húngaro -> francês 978-2-84924-428-9 selecção, tradução e prefácio

Referências

  1. «Költő, műfordító, óceanista is van a kivételes tehetségek között». Librarius. Consultado em 3 de abril de 2016. 
  2. Pallai, Károly Sándor (2016). La micrologie de l’identité archipélique (Tese de Doutorado) (em francês). Universidade Eötvös Loránd 
  3. «Pallai Károly Sándor». La femme. Consultado em 5 de abril de 2016. 
  4. Govinden, Gerard (28 de junho de 2013). «Ministerial appreciation for Hungarian poet and researcher». Seychelles Nation (em inglês). Victoria, Seicheles. Consultado em 3 de abril de 2016. 
  5. «Miskolci tehetség a Templeton-féle "zseniklubban"». Miskolci Napló (em húngaro). Miskolc, Hungria. 14 de março de 2016. Consultado em 3 de abril de 2016. 
  6. Károly Sándor, Pallai (10 de janeiro de 2013). «World Poetry Movement (WPM) can effectively harmonize personal and local efforts and activities on a global scale» (entrevista). Entrevista com WPM. WPM. Budapest. Consultado em 3 de abril de 2016. 
  7. «Károly Sándor Pallai». Pacific Studies - European Consortium for Pacific Studies. Consultado em 3 de abril de 2016. 
  8. Fellinger, Károly (2016). Bétonnière ivre. Traduzido por Pallai, Károly Sándor. Paris: Éditions du Cygne. p. 103 
  9. Pallai, Károly Sándor (Dezembro 2015). «Suriname kortárs költészete». Tempevölgy. 2015/4: 18-26