Kaizers Orchestra

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Kaizers Orchestra
KaizersVega2005-10-06.jpg
A banda em concerto na Dinamarca em outubro de 2005. Da esquerda para a direita: Geir Zahl, Janove Ottesen e Terje Winterstø Røthing
Informação geral
Origem Bryne, Noruega Flag of Norway.svg
Período em atividade 2000–presente
Gravadora(s) Sony BMG, Kaizerecords, Universal Germany, BroilerFarm.
Integrantes Janove Ottesen - Guitarra, vocal, barris de óleo
Geir Zahl - Guitarra, vocal, barris de óleo
Terje Winterstø Røthing - Guitarra, backing vocal, barris de óleo
Rune Solheim - Bateria
Helge Risa - Orgão/piano/teclado
Øyvind Storesund - Baixo
Ex-integrantes Jon Sjøen - Baixo
Página oficial www.kaizers.no

Kaizers Orchestra é uma banda musical norueguesa formada em janeiro de 2000.[1] Tornou-se notória tanto por compor e gravar somente em norueguês, quanto por sua subversividade musical, misturando rock clássico com rom rock e outras vertentes oriundas do leste europeu, como o balkan brass.[2]

Suas letras geralmente abordam temas como delírio, máfia, fé e insanidade. Em 2002 a banda recebeu o título de melhor concerto do ano pelo Festival de Roskilde.[3]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns[editar | editar código-fonte]

  • Ompa til du dør (2001)
  • Evig pint (2003)
  • Maestro (2005)
  • Maskineri (2008)
  • Våre demoner (Compilação de demos gravadas anteriormente, 2009)
  • Violeta, Violeta (2011/2012)
    • Violeta Violeta Vol. 1 (Janeiro de 2011)
    • Violeta Violeta Vol. 2 (Novembro de 2011)
    • Violeta Violeta Vol. 3 (Novembro de 2012)

EPs[editar | editar código-fonte]

  • Kaizers Orchestra EP também chamado de Gul EP (2000)
  • Død manns tango (2002)
  • Mann mot mann (2002)
  • Maestro (2005)
  • Maestro Bonus CD (2005)

Singles[editar | editar código-fonte]

  • "Kontroll på kontinentet" (2003)
  • "Di grind" (2003)
  • "Maestro" (2005)
  • "Knekker deg til sist" (2005)
  • "Blitzregn baby" (Live) (2006)
  • "Enden av november" (iTunes Single) (2007)
  • "9 mm" (iTunes Single) (2008)
  • "Apokalyps meg" / "Du og meg Lou" (Vinil single) (2008)
  • "Die Polizei" (2009)
  • "Prosessen" (2009)
  • "Philemon Arthur & The Dung" (iTunes single) (2010)
  • "Hjerteknuser" (2010)

Ao vivo[editar | editar código-fonte]

  • The Gypsy Finale (EP, 2004)
  • Live at Vega (2006)
  • Viva La Vega (DVD, 2006)
  • 250 prosent (2008)

Outros lançamentos[editar | editar código-fonte]

  • Stolpesko - Contribuiu com a canção "Markveien" (2002)
  • Kontroll på kontinentet - Livro autobiográfico por Jan Zahl (2006)
  • Hjertestups - Contribuiu com a canção "Smil Far" (2010)
  • Sonny - Musical de Palco baseado nos três primeiros álbuns da banda (2011)

Referências

  1. «"Prosessen, den lange versjonen"» (PDF). Consultado em 20 de fevereiro de 2011 
  2. «Kaizers tremendous success» (HTML) 
  3. «Bak et Halleluja» (HTML) 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Flag of Norway.svgGuitarra masc.png Este artigo sobre uma banda ou grupo musical da Noruega é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.