Kappa Scorpii

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
κ Scorpii
Dados observacionais (J2000)
Constelação Scorpius
Asc. reta 17h 42m 29.28s
Declinação −39° 01′ 47.7″[1]
Magnitude aparente 2.39
Características
Tipo espectral B1.5III
Astrometria
Distância 464 anos-luz
pc
Magnitude absoluta −3.38
Outras denominações
Girtab, Scorpii (Designação de Flamsteed), HD 160578, HIP 86670
Scorpius constellation map.png

Kappa Scorpii (Girtab, Scorpii) é uma estrela na direção da constelação de Scorpius. Possui uma ascensão reta de 17h 42m 29.28s e uma declinação de −39° 01′ 47.7″. Sua magnitude aparente é igual a 2.39. Considerando sua distância de 464 anos-luz em relação à Terra, sua magnitude absoluta é igual a −3.38. Pertence à classe espectral B1.5III. É uma gigante azul cuja órbita se cruza com a solar no contexto da galáxia, porém em um só ponto da órbita tal como outras (ao contrário de estrelas quase vizinhas quando vistas da Terra, da mesma constelação cuja órbita se aproxima muito da solar relativamente frente a órbita diante do núcleo da Via Láctea). Sua velocidade transversal é de 18 km por segundo, bem acima da média das vizinhas de constelação. No desenho do escorpião ela representa a articulação chave que liga o ferrão a cauda, que simbolicamente é o auge do poder de ataque do mesmo.

Na Bandeira do Brasil, esta estrela representa o estado da Paraíba, vizinha mais próxima das estrelas que representam RN E PE. Dentre as estrelas que representam os estados, é das mais próximas do núcleo da galáxia para um observador da Terra (na bandeira no entanto a cauda do escorpião e seu ferrão e idem o núcleo da Via Láctea aparecem do lado do Triângulo Austral, assim como o plano eclíptico que diverge dezenas de graus da linha equinocial também aparece em localização duvidosa frente as estrelas que parecem também não obedecer aos padrões geofísicos do mapa e mesmo as coordenadas mais básicas de latitude e longitude ou mesmo magnitude histórico-civilizacional - sendo assim o DF aparece como estrela mais meridional mesmo sendo uma UF central do mesmo modo que a PB não aparece como estrela mais oriental nem o RS a mais meridional ou RR a mais setentrional e AC a mais ocidental tendo o DF no Zenith, por exemplo; o que tornaria o estandarte mais realista e belo).

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Object query : HD 160578 (em inglês) Simbad. Visitado em 8 de agosto de 2012.
Ícone de esboço Este artigo sobre Estrelas é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.