Karina Bacchi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Karina Bacchi
Karina em 2016, durante evento da TV Record
Nascimento 08 de outubro de 1976 (39 anos)
São Manuel,  São Paulo
Nacionalidade  brasileira
Ocupação
Página oficial
IMDb: (inglês)

Karina Bacchi (São Manuel, 8 de outubro de 1976) é uma apresentadora, atriz e modelo brasileira. Iniciou a carreira na atuação 2000 quando, após trabalhar alguns anos como modelo, estreou na telenovela Vidas Cruzadas. No ano seguinte apareceu em O Clone, da Rede Globo, e nos anos seguintes estrelou Pícara Sonhadora, O Quinto dos Infernos e Agora É que São Elas, esta última que lhe rendeu uma indicação ao prêmio de melhor atriz pelo Prêmio Contigo! de TV. Em 2004 ganhou destaque ao interpretar a personagem Tina, em Da Cor do Pecado. Contratada pela Rede Record esteve no elenco das produções Também participou da novela Cidadão Brasileiro, Caminhos do Coração e o seriado Louca Família, seu último trabalho como atriz na televisão, em 2010.

A partir deste ponto de sua carreira passou a se dedicar como apresentadora, comandando os programas Pop Up e O Melhor Verão da Minha Vida, na Mix TV, e Menino de Ouro, no Sistema Brasileiro de Televisão, além de ser repórter nos programas Domingo Espetacular e Domingo Legal.[1] Karina também participou de diversos reality shows, incluindo as competições Dança dos Famosos e A Fazenda nas quais ela venceu, além Simple Life - Mudando de Vida, estrelado por ela e Ticiane Pinheiro. Em 2014 criou um programa online sobre qualidade de vida auto-intitulado.[2]

Biografia[editar | editar código-fonte]

Descendente de italianos, africanos e espanhóis.[3][4][5] É vegetariana .[6] Bacchi começou sua carreira como modelo aos quatro anos de idade. Aos quatorze anos, se mudou para São Paulo, onde se projetou primeiramente como modelo fotográfica e posteriormente em desfiles, campanhas publicitárias em revistas e televisão. Além dos trabalhos publicitários e de moda, estudou teatro e dança. Karina Bacchi ilustrou inúmeras capas de revistas como Playboy, Galileu, Boa Forma, Nova, Vip, entre outras. Fez também vários ensaios para sites, como o Paparazzo e o The Girl.

Carreira[editar | editar código-fonte]

Ticiane Pinheiro e Karina em 2007.

Em 2000, devido à sua fama como modelo, foi convidada para fazer uma novela na Rede Record chamada Vidas Cruzadas. Em 2001, fez uma participação especial na novela O Clone na Rede Globo. Também fez mesmo ano a novela Pícara Sonhadora, do SBT. Em 2002, teve uma nova participação especial na minissérie O Quinto dos Infernos. Em 2003, fez a novela Agora É que São Elas. Karina participou também do quadro Dança dos Famosos do programa Domingão do Faustão na Rede Globo, e foi a vencedora da competição. Fez ainda participações especiais em outros programas da emissora, como Sandy e Júnior, A Turma do Didi e A Grande Família. Em 2004, fez Tina na novela Da Cor do Pecado, também na Rede Globo. Voltaria para a Rede Record em 2006, na novela Cidadão Brasileiro. Ela e Ticiane Pinheiro participaram do reality show Simple Life - Mudando de Vida. Também participou da novela Caminhos do Coração.

Em 2009, terminou de gravar o filme Um Lobisomem na Amazônia. Karina foi a vencedora da segunda temporada do reality show A Fazenda, exibido na Rede Record, ao derrotar o ator André Segatti na final, em 2009[7]. Ela recebeu um milhão de reais como premiação, tendo doado todo dinheiro a uma instituição de caridade [8]. Karina, tendo feito a doação de todo o prêmio, declarou “Eu dou valor a coisas mais simples do que a fama” [9] Em 2012, Karina fecha contrato com a Mix TV para apresentar Pop Up, um programa sobre a vida das celebridades.[10] Em 2013 ela assinou contrato com o SBT para apresentar o programa Menino de Ouro, franquia do britânico Football's Next Star. Menino de Ouro foi lançado em 24 de março de 2013.[11]

Outros empreendimentos[editar | editar código-fonte]

Karina também escreveu dois livros, sendo o primeiro Feliska, em 2004, dedicado ao público infantil e que lhe garantiu em 2005 o Premio Quality Cultural em 2005, cuja arrecadação foi convertida para a ONG Florescer. O segundo intitulado Código K, uma biografia. Em 2013 lançou uma linha de roupas e assessórios para animais de estimação, intitulada Joy Art by Karina Bacchi.[12] Em 2014 criou um website intitulado Karina Bacchi Blog, onde publica reportagens de qualidade de vida e fitness, além de ter criado um canal de mesmo título onde apresenta um programa de mesmo título.[13]

Filantropia[editar | editar código-fonte]

Desde 1990 presta serviços para a ONG Florescer, que é presidida pela sua mãe.[14]

Filmografia[editar | editar código-fonte]

Televisão
Ano Título Personagem Nota
2000 Vidas Cruzadas Renata Vilela
2001 Pícara Sonhadora Mônica de Azevedo
2002 O Clone Muna de Melo
2002 Marisol Sabrina Montemar
2003 Agora É que São Elas Pâmela de Albuquerque
2004 Da Cor do Pecado Tina
2005 Dança dos Famosos Ela mesma / Participante(Vencedora) Temporada 1
2006 Cidadão Brasileiro Bruna Mantovani
2007 Caminhos do Coração Glória Vaz
2007 Simple Life: Mudando de Vida Ela mesma / Participante
2008 Domingo Espetacular Repórter Quadro: Bacchi com Karina[15]
2009 A Fazenda Ela mesma / Participante(Vencedora) Temporada 2
2009–10 Louca Família Suzana Moraes Kühn (Suzy) / Morgana Diaz
2012–13 Pop Up Apresentadora
2013 O Melhor Verão da Minha Vida Apresentadora
2013 Menino de Ouro Apresentadora
2013–14 Domingo Legal Repórter[1]
2015–presente Hoje Em Dia Colunista Quadro: Além do Peso
Web
Ano Título Personagem
2014–presente Karina Bacchi[2] Apresentadora
Filmes
Ano Título Personagem
2009 A Mulher Invisível Carla
2013 Um Lobisomem na Amazônia Samantha

Teatro[editar | editar código-fonte]

Ano Título
2005 Minha Vida de Solteiro[16]
2006 Aluga-se um Namorado[17]
2007 Nunca Se Sábado...[18]

Prêmios e indicações[editar | editar código-fonte]

Ano Prêmio Categoria Indicação Resultado Ref.
2004 Prêmio Contigo! de TV Melhor Atriz por Agora É que São Elas Indicado [19]
2005 Prêmio Quality of Business Melhor Livro Infantil por Feliska Venceu [20]

Referências

  1. a b «Karina Bacchi no SBT». Peggoo. 27 de fevereiro de 2013. Consultado em 27 de fevereiro de 2013. 
  2. a b «Karina Bacchi Vídeos». Karina Bacchi Blog. 27 de fevereiro de 2013. Consultado em 27 de fevereiro de 2013. 
  3. "Descendente de italianos, para encarnar com propriedade uma muçulmana, ela tingiu os cabelos e as sobrancelhas que um dia lhe deram fama de loira nada gelada"., ISTOÉ Independente
  4. “Tem gente que não pode ver um bocão que já fala que não é de verdade. Sabe de onde vem essa boca? De uma mulata. Sou loirinha, branquinha, clarinha, mas minha bisavó materna, dona Sebastiana, era mulata e foi dela que herdei esses lábios carnudos”., Boa Forma
  5. "Sangue espanhol"., Revista Quem
  6. Manequim, Abril
  7. Karina derrota André e vence 'A Fazenda 2', Diário do Grande ABC
  8. Karina Bacchi diz manter ong até hoje com prêmio de a fazenda
  9. Eu dou valor as coisas mais simples do que a fama
  10. Mix TV contrata Karina Bacchi e Letícia Wiermann, filha de Datena
  11. Ricco, Flávio; Carlos, José (27 de fevereiro de 2013). «Karina Bacchi vai comandar novo reality show no SBT». Blog Flávio Ricco. Universo Online. Consultado em 27 de fevereiro de 2013. 
  12. «Karina Bacchi lança linha de acessórios para cachorros em São Paulo». UOL. 27 de fevereiro de 2013. Consultado em 27 de fevereiro de 2013. 
  13. «Karina Bacchi Blog - Conheça». Karina Bacchi Blog. 27 de fevereiro de 2013. Consultado em 27 de fevereiro de 2013. 
  14. Karina Bacchi usará prêmio para cuidar de ONG, Diário do Pará
  15. «Karina Bacchi quer ser correspondente internacional». UOL. 27 de fevereiro de 2013. Consultado em 27 de fevereiro de 2013. 
  16. «Namorados prestigiam Karina Bacchi no teatro». Terra. 5 de maio de 2004. Consultado em 30 de setembro de 2011. 
  17. «Karina Bacchi inicia ensaio de peça de teatro». Terra. 5 de maio de 2004. Consultado em 30 de setembro de 2011. 
  18. «Nunca se Sábado...». Conteúdo Teatral. 5 de maio de 2004.  Parâmetro desconhecido |acessdata= ignorado (Ajuda)
  19. Redação Terra (5 de maio de 2004). «Revista premia melhores da dramaturgia em 2003». Terra. Consultado em 30 de setembro de 2011. 
  20. «A bela é uma fera». Terra. 5 de maio de 2004. Consultado em 30 de setembro de 2011. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Outros projetos Wikimedia também contêm material sobre este tema:
Wikiquote Citações no Wikiquote
Commons Imagens e media no Commons