Karl Deisseroth

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Karl Deisseroth
Nascimento 18 de novembro de 1971 (47 anos)
Boston
Nacionalidade Estadunidense
Prêmios Prêmio Golden Brain (2009), Prêmio HFSP Nakasone (2010), Prêmio Perl-UNC (2011), Prêmio Zülch (2012), Prêmio Gabbay (2013), Prêmio de Medicina Keio (2014), Prêmios Fronteiras do Conhecimento (2015), Prêmio Lurie de Ciências Biomédicas (2015), Breakthrough Prize in Life Sciences (2016), Prêmio Massry (2016), Prêmio Internacional da Fundação Gairdner (2018)
Campo(s) Psiquiatria

Karl Deisseroth (Boston, 18 de novembro de 1971)[1] é um psiquiatra, neurobiologista e bioengenheiro estadunidense, professor da Universidade Stanford.

Prêmios e condecorações selecionados[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Karl Deisseroth CV (Stand 2004) bei der Stanford University (stanford.edu); acessado em 24 de junho de 2018
  2. «2009: Deisseroth» (em inglês) 
  3. Zülch-Preis 2012 für die Begründer der Optogenetik beim Informationsdienst Wissenschaft (idw-online.de); abgerufen am 31. August 2012
  4. Richard Lounsbery Award bei der National Academy of Sciences (nasonline.org); abgerufen am 5. Januar 2013
  5. Karl Deisseroth Arquivado em 19 de dezembro de 2015, no Wayback Machine. bei der Grete Lundbeck European Brain Research Foundation (thebrainprize.org); abgerufen am 12. März 2013

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Kerri Smith: Method man: Karl Deisseroth is leaving his mark on brain science one technique at a time, in: Nature, Vol. 497, 30 de maio de 2013, p. 550

Ligações externas[editar | editar código-fonte]