Karyme Lozano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Karyme Lozano
Nome completo Karyme Lucia Lozano
Nascimento 3 de abril de 1977 (40 anos)
Cidade de México,  México
Ocupação Atriz
Página oficial
IMDb: (inglês)

Karyme Lucia Lozano (Cidade do México, 3 de abril de 1977) é uma atriz mexicana.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Desde pequena Karyme adorava cantar, dançar e atuar. Seus estudos foram realizados no colégio Americano; contudo ela teve aulas com o diretor José Luis Ibáñez e se deu conta de que cada vez mas gostava de atuar e que essa era sua verdadeira profissão, situação que comprovou ao formar parte do Centro de Educação Artística da Televisa o (CEA).

Sua primeira oportunidade foi atuando na telenovela Volver a empezar de 1994 e dai em diante, Karyme ganhou um lugar importante no mundo das telenovelas como Si Dios me quita la vida, Pueblo chico, infierno grande, Tres mujeres, esta última foi a telenovela que ela teve sua primeira protagonista, junto a Erika Buenfil e Norma Herrera, produzida e dirigida por Raúl Araiza, tendo um grande sucesso e repercussão.

Karyme também interpretou um bom papel como vilã na telenovela El Manantial que foi produzida por Carla Estrada, tendo como protagonistas a atriz Adela Noriega e o ator Mauricio Islas. Em 2003 protagonizou a telenovela Niña... amada mía, onde uma vez mas mostrou seu grande talento, dividiu cenas com Sergio Goyri, Ludwika Paleta e Eric del Castillo. No ano de 2005 com a rede americana Univisión, ela gravou a telenovela Soñar no cuesta nada a lado de Ariel López Padilla. Ao final de 2006,inicio de 2007 protagonizou a telenovela Amar sin límites, com sua personagem 'Azul' ao lado de Valentino Lanus. Ainda em 2007 gravou seu disco 'Prohibido' tendo como produtor Emilio Estefan, ela canta o tema de Azul e Diego na 2ª faze da telenovela, que esta incluído em seu cd (faixa 12 Amar sín limite), lançou o single Eres Prohibido com um clipe bem ousado.

Ela incursionou no teatro com a obra Cenicienta y en Vaselina interpretando Sonia, mas o grande público também testemunhou sua atuação com o filme Bandido em 2004. Ela Também participou do filme Desnudos em 2004, onde realizou algumas cenas de nudez no qual assegurou que mas que um corpo nu, foi um filme em que a alma estava livre.

A talentosa atriz mudou seu trabalho na televisão depois da maternidade, já que apesar de ser jovem ela tem uma filha de nome Angela, com o ator Aitor Iturrioz. No ano de 2009, personificou a personagem Ana Ultrajada no terceiro capitulo da segunda temporada de Mujeres asesinas a lado da atriz Elsa Pataky.

Telenovelas[editar | editar código-fonte]

Séries de televisão[editar | editar código-fonte]

Cinema[editar | editar código-fonte]

  • Pepe & Santo vs. America (2009) .... Isabel
  • Bandido (2004) .... Rosalia
  • Desnudos (2004) .... Diana
  • Ladies' Night (2003) .... Policial
  • El hecho imposible (2003)

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Karyme Lozano