Kelaat-M'Gouna

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Disambig grey.svg Nota: Não confundir com El Kelaa des Sraghna.
Marrocos Kelaat-M'Gouna

ⵜⵉⵖⵔⵎⵜ ⵏ ⵉⵎⴳⵓⵏⵏ Tiɣremt n Imgunen

Kelaat M'Gouna قلعة امگونة

 
—  comuna  —
Vista sobre o vale de Kelaat-M'Gouna
Vista sobre o vale de Kelaat-M'Gouna
Apelido(s): Cidade das rosas
Kelaat-M'Gouna está localizado em: Marrocos
Kelaat-M'Gouna
Localização de Kelaat-M'Gouna em Marrocos
Coordenadas 31° 14' 30" N 6° 7' 40" O
Região (1997-2015) Souss-Massa-Draâ
Província Tinghir
Altitude 1 440 m (4 724 pés)
População (2004)[1]
 - Total 14 190
 - Estimativa (2010) 16 742
Código postal 45200
Sítio kelaat-mgouna.webobo.biz

Kelaat-M'Gouna, ou Tighremt N'Imgounen (em árabe: قلعة امگونة; transl.: Qalʿat Imgūna, em berbere: ⵜⵉⵖⵔⵎⵜ ⵏ ⵉⵎⴳⵓⵏⵏ Tiɣremt n Imgunen) é uma cidade do centro-sul de Marrocos, que faz parte da província de Tinghir e da região de Souss-Massa-Draâ. Em 2004 tinha 14 190 habitantes[1] e estimava-se que em 2012 tivesse 16 742 habitantes.[2]

El Kelaâ significa "a fortaleza" em árabe e M'Goun refere-se a ao assif (ribeiro) à beira do qual se situa a cidade, a uma tribo berbere e à montanha do Alto Atlas com o mesmo nome, uma das mais altas (4 071 m) do Norte de àfrica, cujo pico se situa a noroeste da cidade, a cerca de 40 km em linha reta. A maior parte dos habitantes da zona são berberes.

É um cidade muito animada, que desde há muito é um centro económicos, comercial e social da região circundante. É especialmente conhecida pelo "festival das rosas", que tem lugar todos os anos em maio e pelo chamado "vale das rosas" (na realidade são vários vales próximos uns dos outros) onde se cultivam essas flores. As rosas são usadas no fabrico de óleo de rosas e água de rosas, produzida em duas destilarias da cidade que também produzem outros produtos cosméticos. O óleo de rosas é usado para cozinhar, enquanto que a água é usado em perfumaria. As rosas são a principal atividade da região, que produz cerca de 3 000 toneladas de pétalas anualmente.[3] Estima-se que o comprimento total dos canteiros de rosas da região perfaz 4 200 km. Outras atividades importantes são o comércio, pecuária e turismo.

Há dois mercados semanais em Kelaat-M'Gouna, um especializado no comércio de gado, à terça-feira, e outro à para todo o tipo de mercadorias e alimentação.

Além da cidade, onde os bairros são mais conhecidos são Ait Baâmrane , Hay Annahda e Taltnamarte, o município integra numerosas aldeias à volta, como Ait Sidi Boubker, Ifri, Zaouit Elbir , Amdnagh , Sarghin, Mirna, Timskelt, Ait Boukidour e Tasswit. A cidade tem duas escolas secundárias (liceus), o Lycée al Wouroude (Liceu das Rosas), e o Lycée My Baamrane.

Festa das rosas[editar | editar código-fonte]

A festa das rosas (em árabe: Mawssim al Wurud; em berbere: lfichta n lord) é organizada todos os anos no mês de maio. Dura dois dias e festeja a chegada das rosas aos vales do Dadès e do M'Goun. Durante o moussem (festival tradicional marroquino), a cidade duplica de população, sendo invadida por marroquinos de outras partes do país e estrangeiros à descoberta de uma região célebre pelos seus perfumes e produtos cosméticos à base de água de rosas e pela simpatia dos locais para com os visitantes.[3]

O ponto alto da festa é a escolha da Miss Rosa. Durante os dois dias decorre uma uma feira onde, além dos produtos derivados das rosas, são vendidos produtos agrícolas e artesanato da região. Também há animação com música, dança e uma grande parada.[4] [5]

Notas e referências[editar | editar código-fonte]

  1. a b c Royaume du Maroc - Haut-Comissariat au Plan. «Recensement général de la population et de l'habitat 2004». www.hcp.ma (em francês). Consultado em 28 de dezembro de 2011. 
  2. «Maroc: Les villes les plus grandes avec des statistiques de la population». gazetteer.de (em francês). World Gazetteer. Consultado em 5 de dezembro de 2011. 
  3. a b «Kalâat M'gouna : des milliers de marocains et d'étrangers au festival des roses». tinghir.ma (em francês). Sítio web da província de Tinghir. 11 de maio de 2011. Consultado em 5 de dezembro de 2011. 
  4. «Kalâat M'gouna : Le Festival des Roses à sa 47-ème édition». www.journaux.ma (em francês). 23 de abril de 2009. Consultado em 5 de dezembro de 2011. 
  5. Sallouk, Nour-Eddine (6 de maio de 2009). «Kalâat M’gouna : 47ème édition du Festival des roses». www.libe.ma (em francês). Jornal Libération. Consultado em 5 de dezembro de 2011. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

O Commons possui uma categoria contendo imagens e outros ficheiros sobre Kelaat-M'Gouna