Kenneth Mackenzie

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa

Kenneth Robert Henderson Mackenzie (Deptford, 31 de outubro de 18333 de julho de 1886) foi um linguista, orientalista e esoterista inglês.

Biografia[editar | editar código-fonte]

Mackenzie nasceu em Deptford, perto de Londres (Inglaterra), em 1833. No ano seguinte, sua família mudou-se para Viena (Áustria), onde o pai, Dr. Rowland Hill Mackenzie, foi trabalhar como cirurgião assistente no Departamento de Obstetrícia do Hospital Imperial. Mas quando seus pais retornaram à Inglaterra, por volta de 1840, ele permaneceu em Viena, para completar sua educação, obtendo grau de excelência em idiomas: alemão, francês, latim, grego e hebraico. Afinal, aos 17 anos, estava de volta a Londres, passando a trabalhar na editora de Benjamin Disraeli.

Em 1861, ele esteve em Paris, onde conheceu o ocultista francês Eliphas Levi (Alphonse Louis Constant). Data dessa época seu crescente interesse por assuntos esotéricos, aproximando-se da Maçonaria e mantendo estreito contato com personalidades rosacrucianistas. Em 1866, ajudou Robert Wentworth Little a fundar a Societas Rosicruciana in Anglia, que atraiu figuras de destaque do esoterismo europeu dessa época, dentre elas William Wynn Westcott e Samuel Liddell MacGregor Mathers, que viriam a ser fundadores da "Ordem Hermética da Aurora Dourada" (Golden Dawn).

Em 1881, Mackenzie publicou as primeiras edições do periódico maçônico "Kneph" e planejava editar um livro chamado "O Jogo de Tarô: Arqueologicamente e simbolicamente considerado", projeto que não se concretizou por força de sua morte prematura, aos 53 anos de idade.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • McIntosh, Christopher. Os mistérios da Rosa-Cruz. São Paulo: Ibrasa,1987.


Portal A Wikipédia possui o
Portal do Ocultismo
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.