Khawaja Nazimuddin

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Khawaja Nazimuddin
Nascimento 19 de julho de 1894
Daca
Morte 22 de outubro de 1964 (70 anos)
Daca
Sepultamento Mausoléu de três líderes
Cidadania Índia britânica, Paquistão
Irmão(s) Khwaja Shahabuddin
Alma mater
Ocupação político, advogado
Religião Islão

Sir Khawaja Nazimuddin (Urdu: خواجہ ناظم الدین‎; Bengali: খাজা নাজিমুদ্দীন; 19 de Julho de 1894 – 22 de Outubro de 1964) foi um político conservador paquistanês e um dos fundadores do Paquistão. Foi o primeiro líder bangali do Paquistão, tendo sido ministro da defesa e primeiro-ministro entre 1951 e 1953 e o segundo governador-geral, entre 1948 e 1951.[1][2]

O seu papel como governador-geral refletiu uma mentalidade conservadora e ele falou contra o secularismo no paísː "Eu não concordo que a religião seja uma questão privada do indivíduo nem concordo que em um estado islâmico todo cidadão tenha direitos idênticos, não importa qual seja sua casta, credo ou fé ..." [3]

Referências

  1. «Khawaja Nazimuddin becomes Prime Minister». Story Of Pakistan (em inglês). 1 de junho de 2003 
  2. «Who is Khawaja Nazimuddin? Everything You Need to Know» (em inglês) 
  3. Ahmed, Khaled (22 de Julho de 2015). «Defined by exclusion - Its excommunicated reveal the reality of the Pakistani state.». The Indian Express 
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço relacionado ao Projeto Biografias de Políticos. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.