Kim Young-sam

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Kim Young-sam
Kim Young-sam
7° Presidente de  Coreia do Sul
Período 25 de fevereiro de 1993 até 25 de fevereiro de 1998
Antecessor(a) Roh Tae-woo
Sucessor(a) Kim Dae-Jung
Dados pessoais
Nascimento 20 de dezembro de 1927
Geoje, Coreia do Sul
Morte 22 de novembro de 2015
(87 anos)
Seul, Coreia do Sul
Partido Partido Democrático
Religião Protestantismo
Profissão político

Kim Young-sam (Geoje, Gyeongsang Sul, 20 de dezembro de 1927Seul, 22 de novembro de 2015) foi um político sul-coreano que foi Presidente da Coreia do Sul de 25 de fevereiro de 1993 a 25 de fevereiro de 1998.[1]

foi um político sul-coreano e ativista democrático, que serviu como presidente da Coreia do Sul de 25 de fevereiro de 1993 a 25 de fevereiro de 1998.[1] De 1961, ele passou quase 30 anos como um dos líderes da oposição sul-coreana, e um dos rivais mais poderosos dos regimes autoritários de Park Chung-hee e Chun Doo-hwan.

Eleito presidente em 1992, Kim se tornou o primeiro civil a ocupar o cargo em mais de 30 anos. Ele foi empossado em 25 de fevereiro de 1993 e cumpriu um único mandato de cinco anos, presidindo uma campanha massiva de anticorrupção, a prisão de seus dois predecessores e uma política de internacionalização chamada Segyehwa.

Referências

  1. a b «Kim Young Sam» (em inglês). Consultado em 18 de Maio de 2012 


Precedido por
Roh Tae-woo
Presidentes da Coreia do Sul
1993 – 1998
Sucedido por
Kim Dae-jung
Commons
O Commons possui imagens e outros ficheiros sobre Kim Young-sam
Ícone de esboço Este artigo sobre um político é um esboço relacionado ao Projeto Biografias de Políticos. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.