Klas Pontus Arnoldson

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Klas Pontus Arnoldson Medalha Nobel
Nascimento 27 de outubro de 1844
Gotemburgo
Morte 20 de fevereiro de 1916 (71 anos)
Estocolmo
Nacionalidade Suécia Sueco

Klas Pontus Arnoldson (Gotemburgo, 27 de Outubro de 1844Estocolmo, 20 de Fevereiro de 1916) foi um escritor e jornalista sueco.[1] Recebeu o Nobel da Paz em 1908, fundador da Sociedade Sueca para a Paz e a Arbitragem. Sepultado no Norra begravningsplatsen.

Arnoldson tornou-se um funcionário da estrada de ferro e foi promovido a chefe da estação (1871-1881) mas em seguida deixou a estrada de ferro para dedicar-se inteiramente à política. Em 1881, ele foi eleito para o Riksdag, o Parlamento sueco. Um pacifista apaixonadamente dedicado, Arnoldson suportou a neutralidade dos países nórdicos e em 1883, ajudou a fundar a associação sueca para a paz e conciliação.

A partir de 1890, quando o conflito entre a Noruega e a Suécia foi crítico, Arnoldson fez usou todos os seus poderes, incluindo o seu dom para inspirar , em uma tentativa de forma a opinião pública em ambos os países a favor de uma solução pacífica. Em 1905, ele viu o resultado de seu trabalho na dissolução da União mutuamente acordado.

Referências

  1. Klas Pontus Arnoldson (em português) Infopédia. Visitado em 21 de janeiro de 2105.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

  • http://www.britannica.com/biography/Klas-Pontus-Arnoldson (em inglês)
Precedido por
Ernesto Teodoro Moneta e Louis Renault
Nobel da Paz
1908
com Fredrik Bajer
Sucedido por
Auguste Marie François Beernaert e Estournelles de Constant


Ícone de esboço Este artigo sobre a biografia de um(a) escritor(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.