Komsomolskaia Pravda

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Komsomolskaia Pravda
Komsomolskaya Pravda 23.05.1930.jpg
Formato A3
Sede Moscou, Stary Petrovsko-Razumovsky Proezd 1/23, Edifício 1
Fundação 13 de março de 1925
Proprietário Media Partner
Editora Izdatelsky Dom Komsomolskaya Pravda
Editor Vladimir Sungorkin
Orientação política Comunista
ISSN 0233-433X
Página oficial kp.ru, комсомольскаяправда.рф

Komsomolskaia Pravda (em russo: Комсомо́льская пра́вда; lit. "(A) Verdade do Komsomol") é um jornal diário russo publicado no formato de tabloide,[1] um dos poucos do período soviético a ainda serem publicados.

Foi o órgão de imprensa de todos os sindicatos da União Soviética, e um órgão oficial do Comitê Central do Komsomol, organização juvenil do Partido Comunista da União Soviética, entre 1925 e 1991. Foi criado de acordo com decisão tomada pelo 13º Congresso do Partido Comunista Russo, e seu primeiro decreto foi publicado em 24 de maio de 1925,[2] numa edição de 31.000 cópias.

Com o fim da entidade, em 1991, o Komsomolskaia Pravda continuou a circular como veículo independente e manteve a linha editorial comunista, embora reformada.

Referências

  1. «Gazprom Snaps Up Best-Selling Tabloid». The Moscow Times (em inglês). 22 de novembro de 2006. Consultado em 22-10-2008. 
  2. Verbete do Komsomolskaia Pravda (em russo) na 3ª edição da Grande Enciclopédia Soviética.
Ícone de esboço Este artigo sobre meios de comunicação ou jornalismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.