Kosmos 1514

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Kosmos 1514 / Bion 6
Um macaco utilizado na missão do Bion 6.
Missão
Operação Institute of Biomedical Problems / Estados Unidos NASA
Tipo de missão Ciências da Vida
Planeta orbitado Terra
Lançamento 14 de Dezembro de 1983
07:00 GMT
Veículo de Lançamento Soyuz-U
Local do Lançamento Cosmódromo de Plesetsk, URSS
Duração da missão 5 dias
Fim da missão 19 de Dezembro de 1983
COSPAR 1983-121A
Massa 5700 kg
Resultado Sucesso
Elementos Orbitais
Tipo LEO
Inclinação 82.3°
Apogeu 288 km
Perigeu 226 km
Período orbital 89,3 minutos

O Kosmos 1514 (ou Bion 6; em russo: Космос 1514, Бион 6) foi um satélite soviético de pesquisas biológicas. Foi o sexto satélite da série Bion de satélites artificiais. Foi lançado em 12 de dezembro de 1983 do Cosmódromo de Plesetsk, União Soviética (atualmente na Rússia), através de um foguete Soyuz-U.

A missão Bion 6 foi primeira em que a antiga agência espacial soviética levou macacos ao espaço. Dois macacos Rhesus foram levados em órbita, implantados com sensores para permitir o acompanhamento da artéria carótida e o fluxo sanguíneo. Dezoito ratos brancos prenhos foram usados para estudos dos efeitos de microgravidade e radiação. Os ratos posteriormente produziram ninhadas normais as observadas na terra. A missão terminou depois de cinco dias.

Ligações Externas[editar | editar código-fonte]