Krewella

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Krewella
Krewella Indy500 20120527 1.JPG
Rain Man, Jahan e Yasmine em 2012.
Informação geral
Origem Chicago, Illinois
País  Estados Unidos
Gênero(s) Dubstep, drum and bass, Electro House, Trap, Hardcore techno, Hardstyle, Progressive House
Período em atividade 2007 – atualmente
Gravadora(s) Columbia Records
Afiliação(ões) Benny Benassi, Skrillex, Nicky Romero, Gareth Emery, Headhunterz, Fall Out Boy, Tiësto
Integrantes Jahan Yousaf
Yasmine Yousaf
Ex-integrantes Rain Man (Kris Trindl)
Página oficial www.krewella.net

Krewella é uma dupla de drum and bass formada em Chicago, Illinois em 2007 pelo produtor Kris Trindl (Rain Man) e as irmãs Jahan e Yasmine Yousaf. Originalmente Krewella era um trio, mas em 2014 o produtor Rain Man saiu do grupo. O EP de estréia do grupo, Play Hard, foi lançado dia 18 de junho de 2012. O videoclipe da banda para sua música de maior sucesso, "Alive", atingiu mais de 50 milhões de visualizações no Youtube.

História[editar | editar código-fonte]

Formação (2007-2011)[editar | editar código-fonte]

As irmãs Jahan e Yasmine Yousaf.

Kris Trindl e Jahan Yousaf se conheceram ainda durante o ensino médio em Chicago, e começaram a produzir as primeiras músicas do grupo nesta época em 2007. Kris, antes da formação do grupo, tocava guitarra em bandas de heavy metal, enquanto Yasmine, a irmã mais nova de Jahan, era vocalista de uma banda indie de sua escola. [1] Quando Jahan e Kris criaram as primeiras músicas, convidaram Yasmine a ingressar na música eletrônica, formando a Krewella. O nome do grupo foi inventado nos cadernos de Jahan. [2] Uma vez com a formação completa, o grupo produziu muitas músicas que nunca chegaram a ser lançadas, mesclando diversos gêneros da música eletrônica. Mais tarde, o hit "Strobelights" foi escrito, e eles decidiram que aquela música era exatamente o que eles pretendiam tocar.[3]

Play Hard EP (2011-2012)[editar | editar código-fonte]

Após a realização de shows durante o ano de 2011 tendo apenas músicas próprias lançadas digitalmente, lançaram posteriormente em junho de 2012 o primeiro EP intitulado "Play Hard". O EP foi bem-recebido pela crítica, debutando a primeira posição na Billboard's Dance Radio Airplay com o hit Alive.[4] Com o sucesso, participaram de vários festivais pelos Estados Unidos, incluindo festivais famosos como o Ultra Music Festival, Electric Daisy Carnival, Stereosonic e Spring Awakening. Ganharam, inclusive, o prêmio IDMA 2013 (International Dance Music Awards) na categoria Best Break-Through Artist (Band) (inglês para "banda revelação"). [5] A banda assinou um contrato com a Columbia Records e em 10 de dezembro lançaram outro EP, "Play Harder", contendo a faixa Come & Get It e remixes dos singles Killin' It e Alive.

Get Wet (2012-2013)[editar | editar código-fonte]

Depois da sua apresentação no Ultra Music Festival em 2013, recebeu elogios da Billboard que declarou que o grupo vai ser enorme.[6] O grupo anunciou o primeiro álbum de estúdio que foi lançado ainda em 2013. O nome do álbum recebeu o nome de Get Wet, foram incluídas as músicas Alive, Live for the Night, Human e Killin' It. No dia 24 de setembro foi lançado o álbum pela gravadora Columbia Records e teve mais de 26.775 cópias vendidas. Get Wet estreou em oitavo no Top 10 da Billboard 200.[7]

Nova fase (2014-presente)[editar | editar código-fonte]

No dia 10 de março de 2014 foi anunciado o segundo álbum de estúdio do grupo.[8]

Em setembro de 2014 foi anunciado que Rain Man (Kris Trindl) não faz mais parte do grupo Krewella, mas Kris disse está processando Jahan e Yasmine em US $ 5 milhões por terem chutado ele para fora do grupo. Mas Jahan e Yasmine afirmaram que Rain Man teria problemas com drogas e álcool e acabou se demitindo do grupo.[9] Meses depois envolvendo essa briga, Krewella lançou o primeiro single desde a saída do produtor Rain Man (Kris Trindl), chamado Say Goodbye.[10]

Em março de 2015 foi lançado outro single chamado Somewhere to Run que contou com dubstep e pop-rock andando lado-a-lado neste single.[11]

Influências musicais[editar | editar código-fonte]

Segundo Kris, sua ideia de produzir dubstep surgiu quando foi a um show do produtor canadense Excision, e também cita como principais influências The Doors, a banda de metalcore norte-americana Killswitch Engage e The Black Dahlia Murder. Jahan listou as bandas de pop punk Good Charlotte e Sum 41, e também System of a Down e Incubus. Segundo ela, todas essas bandas são importantes influências para a Krewella, apesar de não serem artistas de eletronic dance music. No meio eletrônico, o grupo citou Justice e Deadmau5.[12]

Integrantes[editar | editar código-fonte]

Ex-Integrantes[editar | editar código-fonte]

Discografia[editar | editar código-fonte]

Álbuns de estúdio[editar | editar código-fonte]

Lista de álbuns
Título Detalhe do álbum
Get Wet

Extended plays[editar | editar código-fonte]

Lista de extended plays
Título Detalhe do álbum
Play Hard - EP
  • Lançamento: 18 de junho de 2012
  • Gravadora: Krewella Music LLC
  • Formatos: Digital download

Singles[editar | editar código-fonte]

Como artista principal[editar | editar código-fonte]

Lista de singles como artista principal, mostrando posições em paradas músicais selecionadas, certificações e álbuns
Título Ano Posições em paradas músicais Certificações Álbum
US
[13]
AUS
[14]
BEL
[15]
FRA
[16]
NLD
[17]
"Killin' It" 2012 Get Wet
"Come & Get It"
"Alive" 2013 32 24 159 81
"Live for the Night" 100
"Enjoy the Ride"
"Legacy"
(vs. Nicky Romero)
44 Non-album singles
"Say Goodbye" 2014
"Somewhere to Run" 2015
"—" indica que a gravação não foi incluída nas paradas ou não foi distribuída naquela região.

Videografia[editar | editar código-fonte]

Data de lançamento Música Produtor
8 de fevereiro de 2012 "Killin' It" Laine Kelly
26 de junho de 2012 "Alive" (Daytona Beach Live Video) Miles Evert
16 de agosto de 2012 "Feel Me" Miles Evert
18 de dezembro de 2012 "Alive" Bryan Schlam
18 de dezembro de 2012 "Alive [Pegboard Nerds Remix]" Bryan Schlam
1 de agosto de 2013 "Live for the Night " Aggressive
22 de janeiro de 2014 "Human [Pegboard Nerds Remix]" Miles Evert
6 de março de 2014 "Enjoy the Ride" K Tanch
26 de março de 2014 "Party Monster" Laine Kelly

Referências

  1. Beatport News Editors (20 de junho de 2012). «Introducing: Krewella» (em inglês). Consultado em 14 de maio de 2013. 
  2. Krewella (12 de abril de 2013). «Becoming: Krewella (VEVO LIFT)» (em inglês). Consultado em 14 de maio de 2013. 
  3. Matthew Cassella (06 de setembro de 2012). «KREWELLA – EXCLUSIVE INTERVIEW AT ELECTRIC ZOO RANDALL’S ISLAND 2012» (em inglês). Consultado em 14 de maio de 2013. 
  4. Billboard (04 de maio de 2013). «Dance/Mix Show Airplay» (em inglês). Consultado em 14 de maio de 2013. 
  5. IDMA (21 de março de 2013). «28th Annual International Dance Music Awards» (em inglês). Consultado em 14 de maio de 2013. 
  6. «How Krewella Leveraged Its Social Strategy Into A Career» (em inglês). Billboard. 23 de julho de 2013. Consultado em 23 de julho de 2013. 
  7. «Krewella debut Top 10 on Billboard 200 white 'Get Wet' for Columbia Records» (em inglês). Mitch Schneider Organization. 2 de outubro de 2013. Consultado em 2 de outubro de 2013. 
  8. «Yasmine Yousaf Confirms Krewella’s Second Album in the works» (em inglês). edmtunes. 10 de março de 2014. Consultado em 10 de março de 2014. 
  9. «EDM Superstars Krewella Mired In Legal Mess Involving DJ's Newfound Sobriety (Exclusive)» (em inglês). hollywoodreporter. 30 de setembro de 2014. Consultado em 30 de setembro de 2014. 
  10. «Krewella lança “Say Goodbye” e conta novidades com exclusividade». Phouse. 1 de dezembro de 2014. Consultado em 1 de dezembro de 2014. 
  11. «Krewella - Somewhere to Run». Beatland. 23 de março de 2015. Consultado em 23 de março de 2015. 
  12. Krewella (25 de abril de 2013). «Influences: Krewella (VEVO LIFT)» (em inglês). Consultado em 14 de maio de 2013. 
  13. «Krewella – Chart History: Hot 100». Billboard. Prometheus Global Media. Consultado em August 1, 2016. 
  14. «Krewella discography». australian-charts.com. Hung Medien. Consultado em August 1, 2016. 
  15. «Krewella discography». ultratop.be (em Dutch). Hung Medien. Consultado em August 1, 2016. 
  16. «Krewella discography». lescharts.com (em French). Hung Medien. Consultado em August 1, 2016. 
  17. «Krewella discography». dutchcharts.nl (em Dutch). Hung Medien. Consultado em August 1, 2016. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]