L'Osservatore Romano

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Question book.svg
Esta página ou secção não cita fontes confiáveis e independentes, o que compromete sua credibilidade (desde Janeiro de 2017). Por favor, adicione referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Conteúdo sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
L'Osservatore Romano
L'Osservatore Romano
Periodicidade Diariamente em italiano

Semanalmente em outras línguas

Formato Berlinense
Sede Vaticano
Slogan unicuique suum (a cada um o seu) e no praevalebunt ("Os portões do Inferno" não prevalecerão)
Fundação 1 de julho de 1861 (156 anos)
Fundador(es) Marcantonio Pacelli
Diretor Giovanni Maria Vian


L'Osservatore Romano (em português O Observador Romano) é o periódico semioficial da Santa Sé. Faz a cobertura de todas as atividades públicas do Papa, publica editoriais escritos por membros importantes do clero da Igreja Católica e imprime documentos oficiais depois de autorizados. Seus lemas são: unicuique suum (a cada um o seu) e no praevalebunt ("Os portões do Inferno" não prevalecerão) os quais estão impressos sob o título na primeira página.

Editores-chefes[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]


Ícone de esboço Este artigo sobre meios de comunicação ou jornalismo é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.