László Moholy-Nagy

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
László Moholy-Nagy
Nascimento Weisz László
20 de julho de 1895
Bácsborsód
Morte 24 de novembro de 1946 (51 anos)
Chicago
Residência Mol, Budapeste, Szeged, Viena, Berlim, Londres, Chicago
Sepultamento Graceland Cemetery
Cidadania Hungria, Estados Unidos, Estados Unidos
Cônjuge Sibyl Moholy-Nagy, Lucia Moholy
Filho(s) Hattula Moholy-Nagy
Alma mater
  • Universidade Eötvös Loránd
Ocupação pintor, fotógrafo, escultor, designer, diretor de cinema
Empregador Bauhaus, IIT Institute of Design, Instituto de Tecnologia de Illinois
Movimento estético construtivismo russo
Causa da morte leucemia
Assinatura
Signature of László Moholy-Nagy.svg

László Moholy-Nagy (Bácsborsód, Hungria, 20 de julho de 1895Chicago, 24 de novembro de 1946)[1] nascido László Weisz) foi um pintor e artista húngaro bem como professor na escola Bauhaus. Ele foi altamente influenciado pelo construtivismo e um forte defensor da integração da tecnologia e da indústria nas artes. O crítico de arte Peter Schjeldahl chamou-o de "implacavelmente experimental" por causa de seu trabalho pioneiro em pintura, desenho, fotografia, colagem, escultura, filme, teatro e escrita.[2]

Ele também trabalhou em colaboração com outros artistas, incluindo sua primeira esposa Lucia Moholy, Walter Gropius, Marcel Breuer e Herbert Bayer.[3][4] Sua maior realização pode ser a School of Design em Chicago, que sobrevive hoje como parte do Illinois Institute of Technology, que a historiadora de arte Elizabeth Siegel chamou de "sua obra de arte abrangente". Ele também escreveu livros e artigos defendendo um tipo utópico de alto modernismo.[3]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Moholy-Nagy, László. Malerei, Fotografie, Film, Munich: Albert Langen, 1925, 115 pp; 2nd ed., 1927, 140 pp.(German) PDF version: Bauhaus Bücher 8. Malerei, Fotografie, Film (Accessed: January 12, 2017)
  • Moholy-Nagy, L. (1947). Vision in motion. P. Theobald.
  • Moholy-Nagy, László; Hoffmann, Daphne M. (translator) (2005) The New Vision: fundamentals of Bauhaus design, painting, sculpture, and architecture. Dover, ISBN 9780486436937.

Galeria[editar | editar código-fonte]

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Team, Forvo. «László Moholy-Nagy pronunciation: How to pronounce László Moholy-Nagy in Hungarian». Forvo.com. Consultado em 22 de março de 2019 
  2. Schjeldahl, Peter (8 de março de 1970). «Moholy‐Nagy Champion of a Doomed and Heroic Cause». The New York Times. Consultado em 25 de março de 2019 
  3. a b Nast, Condé (29 de maio de 2016). «A Bauhaus Artist's Modernist Utopia». The New Yorker (em inglês). Consultado em 14 de julho de 2021 
  4. «MOHOLY-NAGY FOUNDATION | BIOGRAPHY». moholy-nagy.org. Consultado em 14 de julho de 2021 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.