Língua bima

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Bima (Nggahi Mbojo)
Falado em: Indonésia
Região: Sumbawa
Total de falantes: 500 mil (1989)
Família: Austronésia
 Línguas malaio-polinésias (MP)
  Nuclear MP
   Centro-Oriental MP
    Sumba–Flores
     Bima
Escrita: Mbojo
Códigos de língua
ISO 639-1: --
ISO 639-2: ---
ISO 639-3: bhp

A Língua Bima ou Bimanês é o idioma da metade oriental da ilha de Sumbawa, Indonésia, onde se fala ainda a língua Sumbawa. O território da língua Bima inclui a Baía de Sanggar, onde a extinta língua Papuana Tambora já foi falada. "Bima" é um nome de origem estrangeira, o nome autóctone do território é "Mbojo" e a língua é chamada "Nggahi Mbojo." Tem relação próxima com as línguas de Sumba, ilha a sudeste. Há mais de meio milhão de falantes Bima . Nem os Bimas nem os Sumbawas têm escritas próprias e para escrever usam a escrita Bugis da língua Lontara (um abugida) ou o alfabeto da língua malaia indiferentemente. .[1]

Amostra de texto[editar | editar código-fonte]

Dowu ma pertama mabade warana aksara mbojo ededu putri Maryam R Salahuddin deyi salelana kertas ma tunti kayi aksara mbojo mamayi ta dowu Belanda.

Português

A primeira pessoa que soube acerca da existência da escrita Bimanesa foi a princesa Maryam R Salahuddin a partir de um registro em tal escrita Bimanesa feito por um pesquisador holandês.

Notas[editar | editar código-fonte]

  1. James Cowles Prichard (1874). Researches into the Physical History of Mankind Volume 5: Containing Researches Into the History of the Oceanic and of the American Nations. [S.l.]: Sherwood, Gilbert, and Piper. ASIN B0041T3N9G 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]