Língua dumi

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Dumi
Falado em: Nepal
Região: Sagarmatha
Total de falantes: 2 mil (2002)
Família: Sino-tibetana
 Tibeto-Birmanesa
  Mahakiranti
   Kiranti
    Ocidental
     Alto Duth Kosi
      Dumi
Códigos de língua
ISO 639-1: --
ISO 639-2: ---
ISO 639-3: dus

Dumi é uma a língua tibeto-birmanesa, kiranti falada na área do rio Duth Kosi, confluência dos rios Tap e Rava em Khotang, região Sagamartha do Nepal

Outros nomes[editar | editar código-fonte]

A língua é também chamada Dumi Bo’o, Dumi Bro, Lsi Rai, Ro’do Bo’, Sotmali.

Dialetos[editar | editar código-fonte]

São quatro os dialetos do Dumi: Brasmi, Kharbari, Lamdija, Makpa. Exceto Makpa, que é mais divergente, os demais são similares às línguas Khaling [klr] e Koi [kkt].

Similaridades[editar | editar código-fonte]

As similaridades léxicas avaliadas da língua são: 78% com a língua Lowa [loy]; 69% com Lhomi [lhm]; 68% com o tibetano de Lhasa, com o tibetano tradicional [bod], Walungge [ola] e Kyerung [kgy]; 67% com Nubri [kte]; 66% com Sherpa Helambu [scp]; 62% com Jirel [jul] e Sherpa [xsr] tradicional.

Falantes[editar | editar código-fonte]

Os falantes estão em todas as faixas de idade, praticam tradicionais religiões da Ásia Oriental. Muitos falam também oa quase extinta língua bantawa. Já existe uma gramática da língua.

Seus falantes se localizavam e Sagarmatha, norte do distrito Khotango, no vale dos rios Rawakhola, Baksila, Saptesvara, Rava e Tap. Hoje devem ser poucos os falantes e estão concentrados na vila de Narung no oeste dessa região.

Notas[editar | editar código-fonte]

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • van Driem, George. 1988. 'The verbal morphology of Dumi Rai simplicia', Linguistics of the Tibeto-Burman Area, 11 (1): 134-207.
  • van Driem, George. 1989. 'Reflexes of the Tibeto-Burman *<-t> directive suffix in Dumi Rai', pp. 157–167 in David Bradley, Eugénie Henderson and Martine Mazaudon, eds., Prosodic Analysis and Asian Linguistics: To Honour R.K. Sprigg. Canberra: Pacific Linguistics.
  • van Driem, George. 1993. A Grammar of Dumi. Berlin: Mouton de Gruyter.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]