Língua leco

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Leko

Leco

Falado(a) em: Bolívia
Total de falantes: 20 (ano 2001)
Família: Língua isolada
Códigos de língua
ISO 639-1: --
ISO 639-2: ---
Pueblos originarios de Bolivia.png

O leko ou leco é uma língua indígena falada na Bolívia.[1] É uma língua isolada.[2]

Vocabulário[editar | editar código-fonte]

Algumas palavras lecos (Jolkesky 2016):[1]

Português Leko
água dowa
aldeia wes
aranha henwai
árvore bat, bata
barriga wahpoa/waqpoa
boca korwa
canídeo lari
carne lia
casa won
chácara
chefe baba
comida sokˀoʧ
dormir sis-
fígado lel
fogo moa
homem lawha/lawqa
joelho hapun
língua uru
mão bueh
montanha kanda
muito alee-
mulher awini
ouvir ason-
paca jap
paits
pedra taq
sogra jo
sol hena, heno
terra tal
velho buro
você ija

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. a b Jolkesky, Marcelo Pinho de Valhery. 2016. Estudo arqueo-ecolinguístico das terras tropicais sul-americanas. Doutorado em Linguística. Universidade de Brasília.
  2. Loukotka, Čestmír (1968). Classification of South American Indian languages. Los Angeles: UCLA Latin American Center 

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.