Língua saho

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Saho
Falado em:  Etiópia,
Eritreia
Região: Sul da Eritreia e fronteiras com a Etiópia
Total de falantes: 202,759
Família: Afro-asiática
 Cuchítica
  Oriental
   Saho-afar
    Saho
Códigos de língua
ISO 639-1: --
ISO 639-2: ---
ISO 639-3: ssy

A língua saho é uma língua cuxítica falada na Eritreia, na região central desse país. O território dos falantes da língua saho é delimitado pela baía de Arafali a leste, os vales de Laasi Ghedé ao sul, os planaltos eritreus a oeste (Akele-Guzai, Shimezana). A zona dos falantes da língua tigre fica a oeste. A leste é falado o afar. A língua saho tem quatro dialetos: toroa, assaorta, minifero e irob. Há por volta de 200 000 falantes do saho.[1]

O saho é tão próximo do afar que alguns classificam as duas línguas como dialetos de uma única língua, a "língua saho-afar".

Notas e referências

  1. Raymond G. Gordon, Jr, ed. 2005. Ethnologue: Languages of the World. 15th edition. Dallas: Summer Institute of Linguistics.

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Referencias[editar | editar código-fonte]

Leitura[editar | editar código-fonte]

  • William E. Welmers. 1952. "Notes on the structure of Saho," Word 8:145-162.