Língua tangkhul

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Tangkhul (Luhupa)
Falado em: Índia
Região: Manipur, Nagaland
Total de falantes: 142 mil (2001)
Família: Sino-tibetana
 Tangkhul
  Tangkhul
Códigos de língua
ISO 639-1: --
ISO 639-2: ---
ISO 639-3: nmf

Tangkhul (Tangkhul Naga) é uma língua Sino-Tibetana do ramo Tangkhul, que é falada em 168 vilas no distrito de Ukhrul, Manipur, India, com alguns falantes dispersos em Nagaland e Tripura. Em [Ukhrul, o Tangkhul ´r falado nas vilas Hundung, Sirol, Langdang, Lamlang Gate, Litan, Yangangpokpi e em outros locais (Arokianathan 1995).

Tangkhul não é próxima de dialetos da perto de da língua Naga. É um “continuum” de dialetos pelos quais falantes de diferentes aldeias vizinhas podem se entender, porém, um dialeto mais ao norte ou ao sul será menos fácil de entender, se for o caso. A lingua franca é o dialeto de Hunphun (Ukhrul).

Esse dialeto falado pelo povo de Hunphun (o nome tradicional de Ukhrul) tornou-se o dialeto mais comum entre os Tangkhuls porque os britânicos assim configuravam sua administração em Ukhrul. O missionário Batista Americano Rev. William Pettigrew traduziu a Bíblia para o dialeto de Hunphun.

O dialeto Kupome é também chamado Luhupa, mas os dialetos do sul (Luhupa) já foram classificados como variantes das línguas Kukishes setentrionais.

Escrita[editar | editar código-fonte]

A língua Tangkhul usa uma forma do alfabeto latino sem as letras B, D, G, Q, V, X, Z, mas com as formas Kh, Ph, Th, š, ɲ, ə

Notas[editar | editar código-fonte]

Ligações externas[editar | editar código-fonte]