Línguas do Azerbaijão

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Azerbaijão Línguas do Azerbaijão Azerbaijão
Língua oficial (em todo o território) Azeri
Língua oficial auto-proclamado (em parte do território) que não é reconhecido Arménio (Artsaque)
Línguas indígenas não oficiais Arménio (Artsaque), Avar (Balakan e Zaqatala), Budukh (Quba), Georgiano (Qakh e Zaqatala), Khinalug (Quba e Qusar), Kryts (Quba), Lezgui (Qusar e Qabala), Rutul (Shaki), Talish (Lankaran e Astara), Tat (Quba e Shabran), Tat-Judeu (Baku, Quba e Oğuz), Tsakhur (Qakh), Udi (Qabala)
Principais línguas de imigrantes Georgiano, Russo, Turco, Ucraniano

As línguas do Azerbaijão são as línguas faladas atualmente no território do Azerbaijão.

A língua dominante e de caráter oficial no Azerbaijão é o azeri[1], exceto na região separatista de Artsaque, não reconhecida internacionalmente, em que a língua predominante é o armênio. Em outras áreas do país falam-se (minoritariamente) as línguas: avar, budur, georgiano rinalugue, crits, lezguiano, rutul, taliche, tate, judeu tate, tsarrur e udi, as quais não possuem caráter oficial.


Referências

  1. «Azerbaijan» (em inglês). www.ethnologue.com. Consultado em 14 de setembro de 2013