Línguas tocarianas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa

Tópicos indo-europeus

Línguas indo-europeias
Albanês · Anatólio · Armênio · Báltico · Céltico
Dácio · Germânico · Grego · Ilírico · Indo-iraniano
Itálico · Frígio · Eslavo · Trácio · Tocariano
 
Povos indo-europeus
Albaneses · Anatólios · Armênios · Bálticos
Celtas · Germanos · Gregos · Ilírios · Indo-arianos
Indo-iranianos · Iranianos · Ítalos · Eslavos · Trácios
Tocarianos

 

Protoindo-europeus
Língua · Sociedade · Religião
 
Hipóteses Urheimat
Hipótese Kurgan · Hipótese anatólia
Hipótese armênia · Hipótese indiana · TCP
 
Estudos indo-europeus

As línguas tocarianas ou tocárias[1] constituem um dos ramos mais obscuros da família indo-européia, já extinto.

Dois idiomas pertencentes ao ramo são hoje conhecidos, o tocariano A e o tocariano B, a partir de manuscritos criados entre os séculos V e VIII na Bacia do Tarim, na Ásia Central, no território correspondente à atual província de Xinjiang, na China.

Os manuscritos sobreviventes mais antigos em Tocariano B são datados do século V ou talvez até mesmo do final do século VI, tornando o tocariano uma língua da Antiguidade Tardia contemporânea do idioma gótico, da língua armênia clássica e do irlandês arcaico.[2]

Notas

  1. "Tocariano"e "tocário" são as únicas formas registradas para a língua portuguesa no dicionários Houaiss e Aurélio.
  2. Kim, Ronald I. (2018). «One hundred years of re-reconstruction: Hittite, Tocharian, and the continuing revision of Proto-Indo-European». In: Rieken, Elisabeth. 100 Jahre Entzifferung des Hethitischen. Morphosyntaktische Kategorien in Sprachgeschichte und Forschung. Akten der Arbeitstagung der Indogermanischen Gesellschaft vom 21. bis 23. September 2015 in Marburg (em inglês). Wiesbaden: Reichert Verlag. p. 170 (nota 44). Consultado em 13 de setembro de 2019 
Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.