Línguas tuparis

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Under construction icon-yellow.svg
Este artigo carece de caixa informativa ou a usada não é a mais adequada. Foi sugerido que adicionasse esta.

A família linguística tupari pertence ao tronco tupi e engloba as línguas ajuru, macurape,[nota 1] mequém,[nota 2] saquirabiar[nota 3] e tupari.[1]

Línguas[editar | editar código-fonte]

  • Ajuru
  • Macurape
  • Mequém
  • Saquirabiar
  • Tupari — falada pelos índios tuparis. Até hoje é falada por este povo.[2] Na década de 1990, possuía 180 falantes.[3]

O proto-tupari[editar | editar código-fonte]

O proto-tupari pode ser reconstituído. As tabelas apresentam sua fonologia.[4]

vogais[editar | editar código-fonte]

Anterior Central Posterior
Fechado *i [i] *ĩ [ĩ] *ɨ [ɨ] *ɨ̃ [ɨ̃] *u [u] *ũ [ũ]
Vogal média *e [e] *ẽ []
vogal aberta *a [a] *ã [ã]

As vogais o [o] e õ [õ] são considerados como alófonass de [u] e seu equivalente nasal.

Consoantes[editar | editar código-fonte]

    Consoante bilabial Consoante dental Consoante palatal Consoante velar Consoante labial-velar Consoante glotal
Consoante oclusiva Consoante surda *p [p] *t [t] *k [k] *kw [] *’ [ʔ]
Consoante sonora *g [g] *gw []
Consoante fricativa *β [β] *h [h]
Consoante africada Consoante surda *c [t͡s]
Prénasais *(n)dz [n͡d͡z]
Nasais *m [m] *n [n] *ŋ [ŋ] *ŋw [ŋʷ]
Consoante líquida *r [r]
Semivogais *w [w] *y [j]

A pré-nasais, *mb [m͡b], *nd [n͡d], *ŋg [ŋ͡g] et *ŋgʷ [ŋ͡gʷ] são alófonas das nasais. O palatal *y [j] tem dois alófonos, *ñ [ɲ] e *ỹ [].


Referências

  1. «Línguas do tronco tupi». Consultado em 15 de novembro de 2017.. Arquivado do original em 24 de Dezembro de 2009 
  2. «Povo Tupari até hoje fala sua língua». Gente de Opinião. Consultado em 15 de novembro de 2017. 
  3. Phillips, David J. «Tuparí». brasil.antropos.org.uk. Consultado em 15 de novembro de 2017. 
  4. Denny Moore; Ana Vilacy Galucio (1994). Reconstruction of Proto-Tupari consonants and vowels (PDF). Meeting of the Society for the Study of the Indigenous languages of the Americas. Linguistic Institute na Ohio State University em Colombus, Ohio. p. 130 

Notas

  1. Pela ortografia etnonímica, makuráp
  2. Pela ortografia etnonímica, mekém
  3. Pela ortografia etnonímica, sakirabiár

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • (em inglês) Moore, Denny et Ana Vilacy Galucio; Reconstruction of Proto-Tupari Consonants and Vowels, Survey of California and Other Indian Languages, Report 8, pp. 119-137, Berkeley, 1994.
  • (em inglês) Rodrigues, Aryon, Tupi Languages in Rondônia and in Eastern Bolivia, Language Endangerment and Endangered Languages, Leo Wetzels (Éditeur), pp. 355-363, Indigenous Languages of Latin America 5, Leyde, CNWS Publications, 2007
Ícone de esboço Este artigo sobre linguística ou um linguista é um esboço relacionado ao Projeto Ciências Sociais. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.