Lúcio Martínez Mancebo

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Saltar para a navegação Saltar para a pesquisa
Question book.svg
Este artigo ou secção não cita fontes confiáveis e independentes (desde março de 2013). Ajude a inserir referências.
O conteúdo não verificável pode ser removido.—Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)
Beato Lúcio Martínez Mancebo, O.P.
Beato Lúcio Martinez Mancebo
Mártir
Nascimento 1902 em Vegas del Condado, Espanha
Morte 29 de julho de 1936 (34 anos) em ?
Veneração por Igreja Católica
Beatificação 11 de março de 2001 por Papa João Paulo II
Festa litúrgica 26 de setembro
Gloriole.svg Portal dos Santos

Lúcio Martínez Mancebo foi um religioso dominicano espanhol.

Vida e obras[editar | editar código-fonte]

Ingressou no Seminário de Leão em 1912 e no noviciado da Ordem dos Pregadores em 1919, na localidade de Solsana. Foi ordenado sacerdote em Valência, em 1925. Entre 1930 e 1936 foi mestre de noviços, primeiramente no convento de Valência e, posteriormente, em Calanda. Como sub-prior deste último, durante a Guerra Civil Espanhola, tentou levar todos os religiosos daquela casa para Saragoça, que era uma zona segura, o que não conseguiu. A 27 de julho de 1936, diante das ameaças e perseguições que os religiosos sofriam, levou alguns deles, vestidos à civil, para casas de pessoas amigas. No entanto, enfrentando uma ameaça de morte para os que lhes dessem abrigo, saíram para as ruas e foram imediatamente detidos e, dois dias depois, fuzilados.

Ícone de esboço Este artigo sobre a biografia de um santo, um beato ou um religioso é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.