Lacmidas

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
NoFonti.svg
Esta página ou secção cita fontes confiáveis e independentes, mas que não cobrem todo o conteúdo (desde maio de 2011). Por favor, adicione mais referências e insira-as corretamente no texto ou no rodapé. Material sem fontes poderá ser removido.
Encontre fontes: Google (notícias, livros e acadêmico)

Lacmidas[1][2] (em árabe: اللخميون) ou lakhmidas,[3] também conhecidos como Banu Lakhm (em árabe: بنو لخم), eram um grupo de cristãos árabes que viveu na região sul do atual Iraque, onde fizeram de al-Hira sua capital, em 266. Poetas a descreveram como "um paraíso na Terra"; um poeta árabe em particular comentou, sobre a beleza e o clima agradável da cidade: "Um dia em al-Hira é melhor que um ano de tratamento." As ruínas de al-Hira encontram-se a três quilômetros de Cufa, na margem ocidental do Eufrates.

Referências

  1. Jaguaribe 2001, p. 276.
  2. Lenzenweger 2006, p. 92.
  3. Hourani 2006, p. 29.

Bibliografia[editar | editar código-fonte]

  • Lenzenweger, Josef; Stockmeier, Peter; Bauer, Johannes B.; Amon, Karl; Zinhobler, Rudolf. História da Igreja Católica. São Paulo: Edições Loyola, 2006. ISBN 8515030403
  • Rothstein, Gustav. Die Dynastie der Lahmiden in al-Hira. Ein Versuch zur arabisch-persischen Geschichte zur Zeit der Sasaniden (em alemão). Berlim: Reuther & Reichard, 1899.
Ícone de esboço Este artigo sobre História ou um(a) historiador(a) é um esboço relacionado ao Projeto História. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.