Lagoa do Taquaral

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Disambig grey.svg Nota: Para procurar por parque conhecido como Lagoa do Taquaral, veja Parque Portugal.
Lagoa do Taquaral
Lagoa Isaura Teles Alves de Lima
Localização
Localização Parque Portugal
País  Brasil
Localidades mais próximas Campinas
Características
Tipo Lago
Área * 2,2 km²
Perímetro * 6,1 km
Profundidade média 2,8 m
Volume * aprox. 0,0062 km³
* Os valores do perímetro, área e volume podem ser imprecisos devido às estimativas envolvidas, podendo não estar normalizadas.

A Lagoa Isaura Teles Alves de Lima, conhecida popularmente como Lagoa do Taquaral, é uma lagoa localizada no Parque Portugal, no município de Campinas, no estado de São Paulo, no Brasil. O nome é uma homenagem à esposa do fazendeiro que doou a área para a formação do parque.[1] Possui 165 830 metros quadrados de área e volume de água estimado em 994 000 metros cúbicos.

Nela, encontram-se pedalinhos e algumas espécies de peixes de água doce, como tilápia, tucunaré, bagre, jacundá e acará.[2] Muitos campineiros costumam caminhar na pista ao seu redor. Anualmente, é realizada, na lagoa, o torneio de pesca esportiva Tucunacamp. Em 2010, ela foi palco de uma das etapas do Campeonato Paulista de Wakeboard.[3]

Desde a década de 70, a lagoa possui uma réplica da caravela Anunciação, embarcação utilizada por Pedro Álvares Cabral em sua chegada ao Brasil.[4] Em 2008, a caravela naufragou devido à falta de manutenção e precisou ser içada para ser reformada.[5]

Réplica da Caravela Anunciação de Pedro Álvares Cabral, na lagoa do parque, antes de afundar em 2008

Em setembro de 2014, foi concluída a restauração da caravela após 15 meses de trabalho. A réplica da embarcação de Pedro Álvares Cabral não retornou à água, permanecendo aberta para visitação às margens da lagoa em um deque de madeira.[6] O custo da obra foi de 960 mil reais.[7]

Em 2016, após atrasos, foi realizado o desassoreamento da lagoa em parceria com o Departamento de Águas e Energia (Daee). O Estado e a Prefeitura investiram 1 milhão de reais e 4 milhões de reais, respectivamente, para o transporte do material. O último desassoreamento total da Lagoa do Taquaral aconteceu em 1986.[8][9]

Referências

  1. Trevisani, Janete (9 de março de 2021). «Lagoa da Isaura». Hora Campinas. Consultado em 1 de novembro de 2021. Cópia arquivada em 1 de novembro de 2021 
  2. «Secretaria de Esportes promove Festival de Pesca Esportiva na Lagoa». Prefeitura Municipal de Campinas. 12 de abril de 2017. Consultado em 1 de novembro de 2021. Cópia arquivada em 1 de novembro de 2021 
  3. de Pádua, Camila (6 de outubro de 2010). «Pedalinhos da Lagoa passam a ter novos coletes salva-vidas». Prefeitura Municipal de Campinas. Consultado em 1 de novembro de 2021. Cópia arquivada em 1 de novembro de 2021 
  4. Steganha, Roberta (6 de julho de 2014). «Prestes a ser reaberta, Caravela do Taquaral guarda 44 anos de histórias». G1. Consultado em 1 de novembro de 2021. Cópia arquivada em 23 de outubro de 2020 
  5. «Caravela de Campinas passará por vistoria nesta quarta-feira». G1. 18 de março de 2008. Consultado em 1 de novembro de 2021. Cópia arquivada em 1 de novembro de 2021 
  6. «Réplica da caravela de Cabral é reaberta ao público em Campinas». G1. 28 de setembro de 2014. Consultado em 1 de novembro de 2021. Cópia arquivada em 12 de maio de 2017 
  7. «Restaurada, caravela volta a integrar paisagem da Lagoa do Taquaral». Prefeitura Municipal de Campinas. 29 de setembro de 2014. Consultado em 1 de novembro de 2021. Cópia arquivada em 1 de novembro de 2021 
  8. Semeghini, Moara (31 de maio de 2016). «Após atrasos, começa o desassoreamento da Lagoa». Correio Popular. Consultado em 4 de janeiro de 2017. Cópia arquivada em 1 de novembro de 2021 
  9. Costa, Maria Teresa (19 de dezembro de 2016). «Termina a 'limpeza' da Lagoa do Taquaral». Correio Popular. Consultado em 4 de janeiro de 2017. Cópia arquivada em 1 de novembro de 2021