Lampre (ciclismo)

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Lampre lidera pelotão da Volta a Portugal de 2010, na passagem da prova pelo lugar da Paz, em Mafra, a 15 de Agosto de 2010.

A Lampre-ISD (Código UCI: LAM) é uma equipa profissional de ciclismo de estrada italiana. Em 2005 era conhecida como Lampre-Caffit, uma fusão da antiga equipa de ciclismo Lampre e da Saeco. A Lampre é uma empresa fabricante de produtos em folha de metal pré-acabada. A ISD é uma fabricante de aço ucraniana. A equipa é membro do escalão UCI ProTour, e tem estado, desde que foi formada em 2005 até agora, no topo da categoria das equipas de ciclismo, apesar de ter sido temporariamente suspensa em 2010, por falhar uma prova do ProTour.[1]

A Lampre-ISD é maioritariamente constituída por ciclistas italianos, e tem uma forte presença em grandes voltas, especialmente no Giro d'Italia. O manager Giuseppe Saronni foi também um famoso ciclista profissional e antigo vencedor do Giro d'Italia. O director desportivo é Giuseppe Martinelli.

A equipa segue a tradição na Saeco, a equipa bem conhecida pela publicidade. No Giro d'Italia 2005 a equipa entrou numa campanha de imprensa, a Battaile d'Italia, com os seus co-capitães Gilberto Simoni e Damiano Cunego.[2] Durante o dia de descanso do Giro, a equipa foi elegida para visitar o Circuito de Monza para fotos e algumas sessões de treinos.

Melhores resultados[editar | editar código-fonte]

Evgeni Petrov envergando as cores azul e roza da Lampre no Giro d'Italia 2007.

2007[editar | editar código-fonte]

2008[editar | editar código-fonte]

2009[editar | editar código-fonte]

2010[editar | editar código-fonte]

Equipa[editar | editar código-fonte]

São estes os ciclistas da Lampre-ISD que se inscreveram para a Volta a Portugal de 2011.[3]

2016[editar | editar código-fonte]

Wikidata-logo S.svg   Ciclista Data de nascimento  Equipe anterior 
JPN Yukiya Arashiro 22 setembro 1984 Europcar (2015)
ITA Matteo Bono 11 novembro 1983
ITA Mattia Cattaneo 25 outubro 1990 Trevigiani Dynamon Bottoli (2012)
ITA Davide Cimolai 13 agosto 1989 Liquigas-Cannondale (2011)
ITA Valerio Conti 30 março 1993
POR Mário Costa 15 novembro 1985 OFM-Quinta da Lixa (2014)
POR Rui Costa 5 outubro 1986 Movistar (2013)
CRO Kristijan Đurasek 26 julho 1987 Adria Mobil (2012)
TPE Feng Chun-kai 2 novembro 1988 Gusto (2014)
ITA Roberto Ferrari 9 março 1983 Androni Giocattoli-Venezuela (2012)
CHN Xu Gang 28 janeiro 1984 Champion System (2013)
ETH Tsgabu Grmay 25 agosto 1991 MTN-Qhubeka (2014)
BLR Ilia Koshevoy 20 março 1991
SLO Marko Kump 9 setembro 1988 Adria Mobil (2015)
RSA Louis Meintjes 21 fevereiro 1992 MTN-Qhubeka (2015)
ITA Sacha Modolo 19 junho 1987 Bardiani Valvole-CSF Inox (2013)
SLO Matej Mohorič 19 outubro 1994 Cannondale-Garmin (2015)
ITA Manuele Mori 8 setembro 1980 Scott-American Beef (2008)
POL Przemysław Niemiec 11 abril 1980 Miche (2010)
ITA Simone Petilli 4 maio 1993 Unieuro Wilier (2015)
SLO Luka Pibernik 23 outubro 1993 Radenska (2014)
SLO Jan Polanc 17 março 1992 Radenska (2013)
ITA Diego Ulissi 15 julho 1989
ITA Federico Zurlo 25 fevereiro 1994 UnitedHealthcare (2015)
ITA Fausto Masnada (1 ago.–31 dez., trainee) 6 novembro 1993 Colpack (2016)
ITA Edward Ravasi (1 ago.–31 dez., trainee) 5 junho 1994 Colpack (2016)
ITA Oliviero Troia (1 ago.–31 dez., trainee) 1 setembro 1994

Equipamentos utilizados pela equipa[editar | editar código-fonte]

Referências

  1. Cycling NewsPublished (25 de janeiro de 2010). «Lampre granted temporary ProTour license» (em inglês). Consultado em 6 de agosto de 2011. 
  2. Zimbio, Inc. «Team Lampre» (em inglês). Consultado em 6 de agosto de 2011. 
  3. Volta a Portugal. «LAMPRE - ISD». Consultado em 6 de agosto de 2011. 

Ligações externas[editar | editar código-fonte]