Laura Bridgman

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Laura Bridgman
Nascimento 21 de dezembro de 1829
Hanover
Morte 24 de maio de 1889 (59 anos)
Boston
Cidadania Estados Unidos
Alma mater
  • Perkins School for the Blind
Ocupação professora, poetisa, escritora,

Laura Dewey Bridgman (Hanover, New Hampshire, 21 de dezembro de 182924 de maio de 1889) foi uma conhecida mulher estado-unidense surdo-cega, a primeira a estudar significativamente a língua inglesa, cerca de 50 anos antes de Helen Keller.[1]

Laura nasceu sem qualquer deficiência mas, aos dois anos de idade, adoeceu com escarlatina, ficando surda-cega.[2]

No ano de 1837 Laura foi para a Escola Perkins para Cegos.[3]

Referências

  1. However, there are accounts of deaf-blind people communicating in tactile sign language before this time, as deaf-blind Victorine Morriseau (1789–1832) had successfully learned French as a child some years earlier.
  2. «Laura Dewey Bridgman | American educator». Encyclopedia Britannica (em inglês). Consultado em 29 de julho de 2021 
  3. «Laura Bridgman». Perkins School for the Blind (em inglês). 22 de setembro de 2014. Consultado em 29 de julho de 2021 
Ícone de esboço Este artigo sobre uma pessoa é um esboço relacionado ao Projeto Biografias. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.