Lazar Lyusternik

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.
Ir para: navegação, pesquisa
Lazar Lyusternik
Topologia, geometria diferencial
Nacionalidade Rússia Russo
Nascimento 31 de dezembro de 1899
Local Zduńska Wola
Morte 23 de julho de 1981 (81 anos)
Local Moscou
Atividade
Campo(s) Topologia, geometria diferencial
Alma mater Universidade Estatal de Moscou
Tese 1926: Direct Methods of Calculus of Variations
Orientador(es) Nikolai Luzin
Orientado(s) Mark Vishik

Lazar Aronovich Lyusternik (também Lusternik, Lusternick, Ljusternik; em russo: Ла́зарь Аро́нович Люсте́рник; Zduńska Wola, Império Russo, 31 de dezembro de 1899Moscou, 23 de julho de 1981) foi um matemático soviético.

É famoso por seu trabalho em topologia e geometria diferencial, aos quais aplicou o princípio variacional. A teoria por ele introduzida, juntamente com Lev Schnirelmann, provou a conjectura de Henri Poincaré de que todo corpo convexo em três dimensões tem no mínimo três geodésicas fechadas. O elipsoide com eixos distintos mas aproximadamente iguais é o caso crítico com exatamente três geodésicas fechadas.

A "teoria de Lyusternik-Schnirelmann, como é atualmente denominada, é baseada nos trabalhos prévios de Poincaré, George David Birkhoff e Marston Morse. Resultou em diversos avanços em geometria diferencial e topologia. Por este trabalho Lyusternik recebeu o Prêmio Stalin em 1946.

Foi aluno de Nikolai Luzin. Em 1930 foi um dos iniciadores do Caso Egorov e então um dos participantes na notória perseguição política de seu professor Nikolai Luzin conhecido como o Caso Luzin.

Ver também[editar | editar código-fonte]

Referências[editar | editar código-fonte]

  • Pavel Alexandrov et al., Lazar' Aronovich Lyusternik (on the occasion of his 60th birthday), Russ. Math. Surv. 15 (1960), 153-168.
  • Pavel Aleksandrov, In memory of Lazar Aronovich Lyusternik, Russ. Math. Surv. 37 (1982), 145-147

Ligações externas[editar | editar código-fonte]

Ícone de esboço Este artigo sobre um(a) matemático(a) é um esboço. Você pode ajudar a Wikipédia expandindo-o.